Declaração pode ser feita até o dia 30 de abril

Nesta quinta-feira (7) começa o prazo para realizar a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física e segue até 30 de abril. O programa para preencher os dados já pode ser baixado no site da Receita Federal.

O contador Sérgio Calixto, explica quem é obrigado a declarar, “se teve rendimento tributável superior a 28.559,70, se eu tive um rendimento superior a esse eu sou obrigado a declarar meu imposto de renda”.

A Receita acredita que serão realizadas mais de 30 milhões de declarações em todo o Brasil. Além de separar toda a documentação, é necessário ficar atento às mudanças desse ano, como por exemplo: Pessoas que declaram dependentes, ano passado até 8 anos não precisava ter o CPF, a partir desse ano qualquer dependente precisa ter o CPF; Questões de imóveis, a pessoa precisa declarar quando adquiriu, o título desse imóvel no órgão público ou no cartório; Quem possui veículo precisa declarar o renavan.

Caso o contribuinte seja obrigado a declarar e não fizer procedimento, mesmo sem imposto a pagar, pode sofrer algumas sanções. “Ela começa com multa mínima de R$165,74 e pode chegar até 20% em cima do imposto devido. Futuramente a pessoa vai saber quando está obrigado, às vezes por desconhecimento, quando tiver o seu pagamento bloqueado pelo banco ou quando precisar de uma certidão negativa da Receita Federal e não vai estar disponível.”

A Gazeta.net

Comentários