DIMAS COLUNAAleac

O que era bastidores está prestes a se confirmar. Muito se falava e se articulava no sentido que Ney Amorim, fosse apontado como um dos nomes mais citados e cogitados para Presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Acre. Isso ao que tudo indica, parece está prestes a ocorrer, já que Ney faz parte da cúpula do Partido dos Trabalhadores além de ter todo o aval do governador.

Leila Galvão

Com 6.167 votos depositados nas urnas nas eleições de 2014, Ana Leila Galvão, ex-prefeita do município de Brasileia, chega à Assembleia Legislativa do Estado do Acre com uma grande responsabilidade. Pois a mesma deverá responder algumas indagações e promessas não cumpridas pelo governo ao longo de 16 anos de poder. Muito se prometeu e pouco se cumpriu, estamos de olho…

Grupo dos iludidos

É claro e baseado no que relata a Bíblia Sagrada, nem cristo agradou a todos. Assim, continua sendo. É notório que já existe sobretudo em Brasileia, o grupo dos descontentes, ou melhor, o dos iludidos da campanha, vale lembrar que a verba de gabinete de um deputado Estadual não consegue acoplar todos os amiguinhos de campanhas, daí, salve-se quem puder.

Everaldo Gomes

Iniciando o 3º ano de mandato, o prefeito de Brasileia Everaldo Gomes parece começar a engatinhar. O mesmo sabe que tem dois anos pela frente pra mostrar serviços à população, já que até agora Everaldo vem sendo muito criticado por grande parte da população. Ainda existe espaço para recuperação, pois, sabemos que existe recursos e tempo.

Projeções futuras

Muito se fala nas rodas de bate papo políticas, os nomes dos vereadores Joelson Pontes (PP) e Fernanda Hassem (PT), os mesmos são jovens e possuem talentos incomuns como boa oratória, informação e conhecimento, além de que, se seguirem o bom caminho da política terão uma vida pública longa!

Xapuri

Ele conhece o caminho das pedras, sempre com a simplicidade e carinho com o próximo. O vereador de cinco mandatos Ronaldo Ferraz, parece mesmo entender de política como poucos no Estado. Ronaldo está na função pública há mais de 20 anos e ainda encontra forças e coragem pra continuar, lutando por dias melhores na nossa querida Princesinha do Acre.

Ainda na Princesinha

Com uma população estimada de acordo com o último censo em 2014, Xapuri possui aproximadamente uma população de 17.317 habitantes, porém, foi a cidade que mais saiu fortalecida politicamente na região do Alto Acre, garantindo duas cadeiras na ALEAC, com Manoel Moraes (PSB): 5.180 votos e Antônio Pedro (DEM): 2.876 votos. Né brinquedo não.

Trem da Alegria

Todos sabemos que em toda mudança de gestão é montada uma nova equipe para pleitear o mandato outorgado pelo povo. É aí que surge o trem da alegria geralmente pronto pra partir no mês de Janeiro, importante dizer que alguns deixarão o trem em meio ao percurso, sendo que outros tem a sua passagem garantida até o fim, enfim… Quem embarcou, embarcou. Quem não foi, só resta esperar o tempo passar.

Economia

O Ministro da fazenda Joaquim Levy, após assumir uma das pastas mais importante do governo, vem anunciando periodicamente aumento de tributos que deve adicionar aos cofre públicos, cerca de R$ 20 bilhões em 2015. Entre as medidas, estão a volta da CIDE, que tem impacto direto nos preços dos combustíveis, aumento do PIS – Cofins sobre a gasolina. É esperado a partir de fevereiro o adicional de 22 centavos sobre o litro da gasolina e 15 sobre o diesel, ouve também alterações no IOF, IPI… Tudo isso, segundo Levy, é necessário para recuperar a confiança e o crescimento do País .

Inflação

No governo Dilma, é terminantemente proibido dizer que a inflação está sem controle. Para os governantes tudo vai bem, inclusive a mesa do povo brasileiro, ora basta apenas ser consumidor e frequentar as prateleiras dos mercados pra entender por que estamos com uma economia estagnada e um crescimento pífio ou quase zero. O mercado financeiro espera para 2015, a maior taxa de inflação em 11 anos. A expectativa é que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) encerre este ano em 6,99%, os economistas reduziram a estimativa de alta de 0,38% para 0,13%, a alta da energia elétrica neste ano pode chegar em até 40% em 2015. Para a massa, resta a fé e a esperança de dias melhores.