DIMAS-COLUNA21Palavras da oposição

“Jabutis”, “penduricalhos”, “salada de frutas” foram algumas das expressões usadas por senadores da oposição para criticar a inclusão no texto da MP 668 de alguns temas estranhos à proposta que originalmente tratava do aumento de impostos sobre produtos importados.

Justo!!!

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quinta-feira, a admissibilidade da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 267/13, que obriga o Presidente da República a ir ao Congresso na abertura da sessão legislativa (2 de fevereiro de cada ano) para falar sobre a situação do País, prestar contas das atividades do Executivo no ano anterior e apresentar o plano de governo.

Ele conhece

O senador Romário (PSB-RJ) disse, ao deixar o Plenário do Senado, que pretende ser o relator da CPI que investigará irregularidades na Confederação Brasileira de Futebol (CBF). “Acho que, como ex-jogador, tenho muito o que contribuir”, afirmou.

Parabéns

Depois de algumas tentativas, o grande e querido Friale acertou, não é que o frio chegou menino, ele é bom. Na verdade a culpa dos erros, não foi do Friale, mas das mudanças que vem ocorrendo em nosso clima.

Não foi ao léu

Que o prefeito Wagner Sales elegeu sua filha Jéssica sales, para a função pública de deputada federal, isso mostra que wagner tem respaldo com a população não apenas de cruzeiro do Sul, mas de toda a região do Juruá.

Ela não é boba!!!

Sentindo a ineficiência dos discursos da deputada do Alto Acre, Eliane Sinhasique usou a tribuna para questionar o fechamento do Departamento de Polícia Técnico-científica na região. Não é a primeira vez que a deputada Sinhasique defende a população do Alto Acre.

Deve ter boa Justificativa

Não apenas a mim, mas ficou estranho a ausência da nossa única deputada, não comparecer na áudiencia pública que aconteceu em Brasileia. Não estou dizendo que teria que abraçar todo mundo, porém poderia ao menos falar o que seu gabinete está realizando em prol do municipio.

Ou canta ou assobia

Se não quer sair na foto não se aproxima, a Biblia diz ninguém serve a dois senhores. O povo não é bobo e, vem percebendo isso, faz tempo, melhor descer do muro e vestir a camisa(…) né vereador? Discurso liso não agrada mais ninguém…

Cansado de tapinha nas costas…

É algo obsoleto achar que a melhor forma de persuadir o povo é dando tapinha nas costas, isso ficou no passado.

Contra fatos não existe argumentos

Se está gravado é porque foi dito, que sirva de lição a todos que fazem parte da escolinha, é preciso analisar o que fala. Seja no Zap, na igreja ou em uma mesa de bar.

Mudanças a vista

Uma potência da atual gestão me disse que grandes mudanças serão feitas no quadro de pessoas a partir de setembro. Ou mostra a cara ou vai cair fora, fiquem experto…

Não sai da pauta

A terceira via está presente em todas rodas de bate-papo, parece ser um clamor, acho saudável pra democracia ter várias opções, isso é bom pro povo.

DE FRENTE COM DIMAS

aldemir-lopesEntrevista com Aldemir Lopes, presidente do PMDB em Brasiléia e secretário estadual no Acre.

Você sente falta de ser prefeito?

Não, de maneira nenhuma, na realidade se me concedido o cargo de prefeito através de nomeaçao ou uma outra forma, eu não aceitaria.

O que não fez como prefeito que seria possível fazer hoje?

Melhorar o setor da educação, da saúde, que são dois setores prioritários na formação e manutenção de uma sociedade e, para a vida de todos.

Pra você o que mudou na política da época em que o senhor era prefeito?

As Interferências politicas externas eram menor, hoje os prefeitos são muito mais eleitos através da vontade do poder, através de interesses politicos externos de fora do municipio, na minha época o povo tinha maior poder de decisão e a discussão era local, o povo participava diretamente do processo .

Alguma coisa que foi feita em sua gestão, que hoje o Aldemir não faria?

Sim, trabalhar com leigos, com pessoas sem conhecimentos na gestão, hoje no mundo que que estamos e no momento em que vivemos, não existe espaço pra leigos, sobretudo em uma gestão que tenha o minimo de responsabilidade, existe necessidade da competência, conhecimento e experiência.

Como analisa o atual cenário político do País?

Com muita tristeza, acho que esse quadro ele estimula o povo brasileiro, a um quadro de descrédito, o Brasil vive uma crisa de autoridade em todos os seguimentos, seja na economia ou em outras áreas, as instituições estão sem crédito e o povo está desacreditado.

Você tem essa influência, sobretudo na gestão municipal, que grande parte da população e da frente popular Acriana, acha que Você tem?

Eu não considero que eu tenho essa influência, tenho responsabiliaddes, eu sou presidente municipal do partido, sou secretário geral do partido e sendo uma gestão do PMDB, logo tendo contribuido pra se conquistar essa gestão, me sinto responsavel por ela enquanto político e cidadão.

Como analisa a atual gestão do municipio?

Olha Dimas, não é uma questão isolada, os municípios estão falidos. É lógico que aqui em Brasilleia essa situação se acentuou, visto que, não temos o apoio do governo, para aquilo que o municipio precisa e, passamos por uma alagação devastadora, faz com que a situação esteja critica, mas é uma oportunidade de se desenvolver um trabalho ainda melhor.

Como tem visto o desempenho na Assembléia Legislativa do Acre, da ex-peemedebista e hoje deputada pelo PT, Ana Leila Galvão?

Não só eu, mas a população inteira espera que ela possa ajudar o municipio, que ela deixe as bandeiras partidárias de lado e esqueça que a gestão é do PMDB. É momento de união, ela foi eleita pra representar o povo e não um partido, ainda está no início de seu mandato, espero que ela possa nos ajudar a reconstruir o municipio.

Aldemir na esfera nacional, você acha que o PMDB deve continuar servindo de base pro-PT, como você analisa a atual situação do País e qual o grau de responsabilidade do PT?

No Acre o PMDB sempre foi contra, a má gestão e a crise de autoridade, eles tentam partidarizar as instituições, chegando quase a uma ditadura branca a esse País, acho que é um retrocesso no processo democrático, com isso gerou vários problemas, quando vc partidariza através das ideologias é uma coisa, agora através do poder economico é outra coisa.

Considerações finais

Eu espero que a nivel de Brasil agente consiga sair dessa situação em que o País se encontra, e que aqui em nossa querida Brasileia, todos os filhos e cidadões contribuam para que o municipio consiga sair também, dessa situação de calamidade em que se encontra, que cada um fazendo a sua parte, se unindo, é possivel agente voltar a ser o que era, e ainda quem sabe, melhor, lhe parabenizo pela coluna Dimas Gurgel, tem adotado grandes temas com grandes entrevistas e informação, ao mesmo tempo agradeço ao Jornal oaltoacre.com, em especial meu amigo Alexandre Lima, deixo aqui o meu cordial abraço ao povo de Brasileia.

 

Um abraço para o meu amigo Adriano Marcell, que em breve estará inaugurando um grande empreendimento em Brasileia, Academia Fitnes .

Comentários