unnamed54O Comitê Estadual de Combate ao Tráfico Humano do Acre atendeu ao convite do governo de Pando, na Bolívia, para colaborar na construção do Plano de Luta Contra Maus-Tratos e Tráfico de Pessoas. A memória e resultados do debate foram entregues ao secretário de Justiça e Direitos Humanos do Acre, Nilson Mourão.

Por meio do Departamento de Integração Regional, a ação recebe o intermédio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Florestal, da Indústria, do Comércio e dos Serviços Sustentáveis (Sedens). O assessor internacional Ruben Ortiz ressaltou à Agencia Acre o seguinte: “A integração das políticas públicas é importante para nossa segurança e para que o trabalho funcione melhor”.

O combate ao tráfico humano ganha novas proporções na região fronteiriça, por isso o objetivo é a eficácia das ações, além de envolver temas como segurança, cidadania e imigração. O diálogo deve continuar afinado entre os dois países até a implementação do plano boliviano.

Com informações do ac24horas.com

Comentários