Monitoramento no período das eleições será importante no combate ao ilícito.

A sede da delegacia da Polícia Federal localizada em Epitaciolândia, distante cerca de 240km da capital acreana, é um dos 22 municípios do estado do Acre que está sendo aparelhado com equipamentos para monitoramento aéreo no período das eleições de 15 de novembro próximo.

Foi destacado pela superintendência durante coletiva com a imprensa, que o quadricóptero (drone), não irá substituir os agentes e tem como objetivo, a inserção de tecnologia em razão da pandemia do vírus covid-19. Destaca que os agentes não poderão ter contato com os infratores atendendo às recomendações sanitárias”, destacou.

Em uma simulação, mostra com nitidez ação de distribuição de santinhos podendo identificar a irregularidade eleitoral.

Com esses equipamentos, os trabalhos acontecerão de forma sigilosa para não chamar atenção de supostos infratores, observando possíveis compras de votos, aglomerações, distribuições de santinhos e demais irregularidades previstas.

Segundo a assessoria da PF, “As imagens capturadas serão transmitidas a uma equipe da Polícia Federal que estará preparada para monitorar toda as eleições e adotar as medidas cabíveis diante de atividades suspeitas”.

Assim, diante de algum flagrante de crime eleitoral, policiais se deslocarão, imediatamente, para o local indicado para prender os suspeitos, que serão conduzidos para a delegacia, onde serão tomadas as providências pertinentes.

Em Epitaciolândia, o equipamento já está em fase de treinamento com uma equipe específica para esse trabalho que irá atuar pela fronteira.

Matéria relacionada:

Polícia Federal usará drones para fiscalizar crimes eleitorais no Acre durante eleições

Comentários