fbpx
Conecte-se conosco

Acre

Obras da Ponte da Sibéria, em Xapuri, entram na fase de montagem de treliças

Publicado

em

Projeto tem um orçamento superior a R$ 40 milhões, dos quais mais de R$ 15 milhões são provenientes de recursos próprios do governo estadual, enquanto R$ 25 milhões são fruto de emenda parlamentar do senador Márcio Bittar.

De Xapuri – Raimare Cardoso com Marcus José

A cidade de Xapuri, no Acre, 189km distante da capital, Rio Branco, começa a mudar sua paisagem como nunca aconteceu em mais de cem anos. A modificação é ocasionada por uma obra de dimensões inimagináveis, e até certo ponto inesperada, a construção da ponte sobre o rio Acre, ligando a histórica cidade velha ao outro lado, onde moram centenas de pessoas numa localidade chamada Sibéria, submetidas ao infortúnio de não ter acesso livre ao lado mais avançado daquilo que era para ser a mesma cidade. Sem contar que ali é o ponto de partida de ramais que dão acesso a comunidades produtoras de alimentos e a famílias que habitam em parte da Reserva Chico Mendes, uma das maiores áreas de proteção ambiental do mundo.

O governo do Acre, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem, Infraestrutura Hidroviária e Aeroportuária do Acre (Deracre), anunciou nesta terça-feira, 18, que deu mais um passo na construção da Ponte da Sibéria, em Xapuri.

A nova fase das obras, segundo a Agência de Notícias do Acre, marca o início da montagem das treliças de avanço dos apoios para execução das aduelas da ponte, que está programada para ser concluída no segundo semestre.

Na primeira etapa dos serviços, a equipe do Consórcio Rio Acre, vencedor da licitação, finalizou a construção dos pilares da ponte, que terá 363,8 m de extensão.

A presidente do Deracre, Sula Ximenes, diz que as fases mais difíceis da obra já foram superadas. Segundo ela, pela demanda histórica que possui, a obra tem um significado especial para o governador Gladson Cameli.

“O governo está comprometido na finalização dessa obra, que já superou as fases mais difíceis. Chegar a essa etapa, não só valida os nossos esforços, mas também reafirma a nossa dedicação em cumprir com a promessa feita pelo governador Gladson Cameli à população”, afirmou.

O projeto tem um orçamento superior a R$ 40 milhões, dos quais mais de R$ 15 milhões são provenientes de recursos próprios do governo estadual, enquanto R$ 25 milhões são fruto de emenda parlamentar do senador Márcio Bittar.

A obra tem gerado emprego e renda para a população de Xapuri e o Deracre segue acompanhando de perto o progresso das obras para garantir que a infraestrutura da cidade e o bem-estar das pessoas sejam priorizados.

A estrutura da ponte conta com rampas de acesso que conectarão o centro de Xapuri ao bairro Sibéria. Após concluída, a ponte proporcionará mais mobilidade e segurança para cerca de 20 mil moradores.

Enquanto não liga a velha cidade ao bairro Sibéria, a obra da ponte vai agitando a economia de Xapuri

Além da beleza visual e da importância da ponte, a obra tem gerado emprego e renda. Em seu auge, asseguram os técnicos, pelo menos 200 xapurienses vem trabalhando com empregos diretos. A construção mudou o dia-dia da Princesinha do Acre, há máquinas muita gente trabalhando, muito natural em uma obra de grande vulto, mas a esperança enche os corações de uma população que vive apenas de sua história, com seus casarões seculares e o nome de seus heróis da terra que apaixona o mundo.

Governador em uma de suas agendas, em junho de 2022, antes da licitação da obra em Xapuri; parte da população ainda não acreditava que Gladson faria a ponte.

A ponte ligando Xapuri velha a Sibéria, cuja construção iniciou impulsionando a economia local, é a quebra de uma pasmaceira que dura ao menos um século. Desde que se impôs como a “capital” de uma rede de seringais altamente produtivos, no primeiro e no segundo ciclo da borracha, final do século XIX e início do XX, Xapuri tem uma paisagem só, com pouquíssima mudança em sua infraestrutura. Nunca passou por grandes reparos estruturais. Exceto os cuidados de um ou outro prefeito com alguns prédios históricos, como a sede da intendência boliviana e a casa onde morou o sindicalista Chico Mendes, Xapuri é a mesma desde quando foi apelidada de “Cidade Luz” e depois “Princesinha do Acre”, no início do século passado. Tem as mesmas ruas e a mesma configuração habitacional.

A paisagem está sendo modificada de forma impressionante, à medida que a obra vai avançando, desde seu início, em março (2022), passado. A avenida, que cruza a cidade com duas vias, vai chegar agora a margem do rio Acre, colocando fim a um isolamento centenário entre um mesmo povo, ligando a histórica cidade velha ao outro lado, onde moram centenas de pessoas numa localidade chamada Sibéria.

Ponte da Sibéria vem enchendo a “princesinha do Acre” de esperança e já modificou a paisagem da cidade

Comentários

Continue lendo

Acre

EDITAL DE CONVOCAÇÃO CONVENÇÃO MUNICIPAL EPITACIOLÂNDIA – AC

Publicado

em

Comentários

Continue lendo

Acre

Jornal O Alto Acre disponibiliza lista dos aprovados para o Programa CNH Social, mobilidade urbana da regional do Acre

Publicado

em

Detran-AC publicou lista com os primeiros beneficiados do Programa CNH Social no Diário Oficial do Estado (DOE), desta quarta-feira dia 17

O programa teve 40.475 pessoas inscritas em maio, contudo, apenas cinco mil foram selecionados para retirar a CNH de forma totalmente gratuita. A ação do Detran-AC visa a emissão gratuita de carteiras de habilitação.

O Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran-AC) está convocando mais de 2,1 mil candidatos aprovados na modalidade urbana do Programa CNH Social para efetuarem suas matrículas e apresentarem a documentação necessária. A lista completa dos convocados foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta terça-feira (16).

O jornal O Alto Acre disponibiliza os nomes dos convocados da regional do Acre, complementando a lista oficial divulgada pelo Detran-AC. Os candidatos das cidades de Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia, Xapuri e Capixaba convocados devem seguir rigorosamente os prazos e procedimentos estabelecidos para garantir sua participação no programa, que oferece a oportunidade de obter a Carteira Nacional de Habilitação de forma gratuita, estabelecidos para garantir sua participação no programa.

A iniciativa visa facilitar o acesso à habilitação para aqueles que atendem aos critérios estabelecidos pelo Programa CNH Social, contribuindo para a inclusão e mobilidade dos cidadãos do Acre.

Os candidatos selecionados têm agora a responsabilidade de seguir os prazos estabelecidos pelo Detran-AC para garantir sua participação no programa, que oferece a oportunidade de obtenção gratuita da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

A convocação representa uma etapa crucial para os beneficiários, que devem providenciar toda a documentação exigida conforme as instruções publicadas. O Detran-AC continua comprometido em facilitar o acesso à habilitação para aqueles que se enquadram nos critérios do Programa CNH Social.

O programa teve 40.475 pessoas inscritas em maio, contudo, apenas cinco mil foram selecionados para retirar a CNH de forma totalmente gratuita. A ação do Detran-AC visa a emissão gratuita de carteiras de habilitação para pessoas de baixa renda.

Após a publicação, os candidatos têm 10 dias para fazer a matrícula. A documentação exigida é:

  • Carteira de identidade dentro da validade de dez anos ou outro documento oficial de identificação com foto (originais e cópias);
  • CPF (originais e cópias);
  • Comprovante de endereço
  • Comprovante de matrícula online

A convocação será feita gradativamente. Após a primeira, o Detran-AC informou que irá chamar os aprovados nas modalidades rural e estudantil. Os candidatos devem estar inscritos no CadÚnico e ativos há, pelo menos, quatro meses; ter idade igual ou superior a 18 anos; e saber ler e escrever.

Veja lista completa dos moradores selecionados de Xapuri, Capixaba, Epitaciolândia, Brasiléia e Assis Brasil.

Comentários

Continue lendo

Acre

Operação Tapas Buracos avança no Centro e tem como objetivos revitalização em todos os bairros de Brasiléia

Publicado

em

Operação Tapa Buracos fechou toda a extensão da rua Manoel Ribeiro, dando continuidade aos trabalhos iniciados na rua Antônio Ribeiro e alcançando as ruas Generalíssimo Deodoro e Domingos Lopes, localizadas no bairro Centro de Brasileia

Operação Tapas Buraco, já realizou nesta quarta-feira, dia 17, trabalhos na rua Manoel Ribeiro, Bairro centro de Brasiléia.

A Secretaria de Obras de Brasileia concluiu recentemente a revitalização das ruas do centro antigo e histórico da cidade como parte da Operação Tapa Buracos, utilizando asfalto a quente (CBQU) para melhorar a malha asfáltica local.

Os trabalhos visam não apenas melhorar a qualidade das vias centrais, mas também se estendem ao objetivo de alcançar todos os bairros do município. A iniciativa faz parte de um esforço contínuo para aprimorar a infraestrutura urbana e proporcionar melhores condições de mobilidade para os moradores.

A Secretaria de Obras está empenhada em continuar com os trabalhos de manutenção e reparo das vias, garantindo que todos os setores da cidade se beneficiem dos esforços de melhoria da infraestrutura urbana.

Operação Tapas Buraco, já realizou trabalhos nesta quarta-feira dia, 17, na rua Antônio Ribeiro, Bairro centro de Brasiléia. Foto capturada

Nesta quarta-feira (17), a equipe da Operação Tapa Buracos fechou toda a extensão da rua Manoel Ribeiro, dando continuidade aos trabalhos iniciados na rua Antônio Ribeiro e alcançando as ruas Generalíssimo Deodoro e Domingos Lopes, localizadas no bairro Centro de Brasileia, Acre.

A iniciativa tem como objetivo melhorar a infraestrutura viária da região central da cidade, utilizando asfalto para reparar e revitalizar as vias afetadas. A Secretaria responsável está focada em garantir que todas as ruas recebam os devidos reparos, proporcionando melhorias significativas para os moradores e comerciantes locais.

Operação Tapas Buraco, já realizou trabalhos nesta quarta-feira, dia 17, na rua Generalíssimo Deodoro, Bairro Centro de Brasiléia. Foto captada

Os trabalhos continuam conforme o cronograma estabelecido, visando cobrir todas as áreas necessárias para promover maior segurança e conforto aos usuários das vias públicas em Brasileia.

Operação Tapas Buraco, já realizou trabalhos nesta quarta-feira, dia 17, na rua Domingos Lopes, Bairro Centro de Brasiléia.

Comentários

Continue lendo