Conecte-se conosco

Acre

Na fronteira do Brasil com o Peru e a Bolívia, Polícia de Transito não possui nenhum bafômetro

Publicado

em

Na cidade por onde passam mensalmente cerca de 20 mil pessoas que atravessam a fronteira do Brasil com o Peru e a Bolívia, a Polícia Militar não dispõe do aparelho que afere o teor alcoólico nos motoristas: o bafômetro.

Mesmo com a entrada em vigor da nova lei seca que prevê multas pesadas e até prisão para o motorista flagrado embriagado ao volante, na tríplice fronteira, do lado brasileiro, os condutores de veículos não serão importunados pela fiscalização.

Na cidade onde a frota não supera os mil e quinhentos veículos, o maior número de carros que passam por aqui vem de outras cidades do Acre e de outros estados, e em sua maioria, não são submetidos á fiscalização.

No posto que abriga a Policia Federal, a Receita Federal e os demais órgãos nacionais que controlam a entrada e saída de veículos e pessoas na tríplice fronteira, raras são as abordagens feitas pela polícia.

No perímetro urbano então, blitz é tão raro por aqui quanto o sinal de telefonia celular. Sem o bafômetro a tranquilidade dos motoristas é ainda maior e o trabalho da polícia, menor.

O comandante da CIATRAN, Companhia Estadual de Transito, Major Márcio Alves, disse á reportagem que o único bafômetro disponível para a PM na cidade foi enviado para a revisão, que deve ser feita anualmente fora do estado.

“Os equipamentos possuem um prazo de validade e precisam ser aferidos anualmente pelo órgão competente. Com a data de vencimento ultrapassada, o equipamento não pode ser usado, e creio que em Assis Brasil, somente daqui a uns vinte a trinta dias o bafômetro será enviado de volta”, disse o militar.

O comandante fez uma comparação entre a capital e as cidades do interior, e disse que em Rio Branco, onde estão quase 80% da frota do estado, a fiscalização exige um maior número de equipamentos e que as cidades pequenas não são prioridades.

“O bafômetro é fundamental em todos os lugares, mas a prioridades são as cidades grandes. Em Rio Branco por exemplo, só as equipes do Álcool Zero contam com oito bafômetros”, disse.

Jairo Barbosa – [email protected]
De Assis Brasil
Fotos: Jairo Barbosa

Comentários

Acre

Polícia Civil apreende mais de 1kg de Maconha do tipo Skank, em Rio Branco

Publicado

em

Na tarde dessa quinta-feira, 1, a Polícia Civil do Acre, por meio da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico – DENARC, com apoio do Núcleo de Operações com Cães – NOC, apreendeu 1,5kg (um quilo e meio) de material entorpecente, maconha modificada (Skank).

Após o trabalho do cão policial Duke, foi possível identificar duas encomendas, quero e tinham como destino o município de Fortaleza/CE.

Durante a ação policial dois objetos foram apontados pelo trabalho de farejo do cão policial, uma panela de pressão e um cachorro de porcelana que estavam sendo despachados para o estado do Ceará.

A apreensão do entorpecente se deu em decorrência da colaboração da área de Segurança Corporativa dos Correios.

A Polícia Civil do Estado do Acre mantém canal aberto para denúncias onde o cidadão pode usar o aplicativo WHATSAPP para envio de seu relato/denúncia e/ou realizar ligação para o número (68) 99922-1111.

A Polícia Civil garante total sigilo das informações e do denunciante.

Comentários

Continue lendo

Acre

TRE marca diplomação de Gladson e demais eleitos para o dia 15

Publicado

em

O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) marcou para o dia 15 de novembro a diplomação do governador reeleito Gladson Cameli (PP) e de sua futura vice, a senadora Mailza Gomes (PP).

A cerimônia ocorrerá às 10h no plenário do TRE, localizado no Portal da Amazônia, na capital acreana. Além do governador e da vice, serão diplomados também o senador eleito Alan Rick (União Brasil) e os deputados federais e estaduais.

A diplomação é o ato pelo qual a Justiça Eleitoral atesta que o candidato ou a candidata foi efetivamente eleito ou eleita pelo povo e, por isso, está apto ou apta a tomar posse no cargo.

Já a diplomação do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ocorrerá no dia 12.

Nessa ocasião, ocorre a entrega dos diplomas, que são assinados, conforme o caso, pelo presidente do tribunal eleitoral competente.

Comentários

Continue lendo

Acre

Boletim Sesacre registra 248 novos casos do coronavirus no Acre

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), informa que foram registrados 248 novos casos de coronavírus nesta quinta-feira, 1 de dezembro. O número de infectados notificados é de 154.223 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 361.048 notificações de contaminação pela doença, sendo que 206.795 casos foram descartados e 30 exames de RT-PCR aguardam análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 150.393 pessoas já receberam alta médica da doença e o número de internações ainda está sendo atualizado.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS) e estão sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Dois óbitos foram notificados nesta quinta-feira, 1, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 aumente para 2.031 em todo o estado.

O paciente M. F. S, 96 anos, deu entrada no Hospital Raimundo Chaar, em Brasileia no dia 29 de novembro deste ano e morreu na mesma data.

O paciente E. R. F. S, de 15 anos, deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento da Via Verde no dia 29 de novembro e faleceu no dia 30, do mesmo mês.

Sobre os casos de covid-19 no estado, acesse:
BOLETIM_AC_COVID_01_12__2022

Sobre a ocupação de leitos no estado, acesse:
http://covid19.ac.gov.br/monitoramento/leitos

Comentários

Continue lendo

Em alta