Momento após o governador do Acre, Gladson Cameli, concede a medalha ao ministro Sérgio Moro – Foto: Alexandre Lima

Com atraso de aproximadamente uma hora, acompanhado de senadores e outras autoridades acreanas, o ministro da justiça, Sérgio Moro, entrou no Museu dos Autonomistas acompanhado do governador Gladson Cameli, a medalha da Ordem da Estrela do Acre no grau de grã-cruz, a maior honraria do Estado concedida a uma autoridade. A solenidade ocorreu na manhã desta segunda-feira, 18.

Várias autoridades do Estado foram convidadas para o evento considerado histórico para o povo acreano. O Vice-governador Major Rocha, os três senadores, Mailza Gomes, Sérgio Petecão e Márcio Bittar, além das deputadas federais Mara Rocha e Vanda Milani, também participaram da solenidade.

O general Guilherme Teófilo, secretário Nacional de Segurança Pública, também participou do ato e foi homenageado por Cameli com a insígnia da Ordem. A comenda é destinada a personalidades que, por sua atuação destacada, dignas do respeito do povo acreano, contribuíram para o desenvolvimento do Estado ou protagonizaram atuações decisivas em prol da população. O documento foi assinado pelo Grão-Mestre da Ordem da Estrela do Acre, governador Gladson Cameli, e pelo chanceler da Ordem da Estrela do Acre, secretário da Casa Civil, José Ribamar Trindade.

Segundo sua assessoria, desde o início de sua gestão, o governador tem se reunido com o ministro em Brasília para tratar da segurança na fronteira do Acre com Peru e Bolívia, além de discutir sobre a situação de violência que o estado vive. Os encontros renderam desdobramentos positivos como, por exemplo, a liberação de R$ 15 milhões por parte do Ministério da Justiça e Segurança Pública para a aquisição de viaturas e também a destinação de recursos para a compra de equipamentos.

“A presença do ministro e do secretário é um sonho realizado, trata-se do resgate do sentimento de esperança. Ninguém trabalha sozinho. Hoje com apoio da nossa bancada federal vamos fazer a maior entrega de viaturas já feita no Acre. Queremos dividir, unir forças para que a gente possa melhorar a vida das pessoas”, destacou o governador Gladson Cameli.

Para Sergio Moro, “Temos de trabalhar ao máximo para melhorar a estrutura de segurança, além de ajudar os governos a melhoras as estruturas locais. A palavra que faz a diferença na segurança pública é a integração. Quando falamos em enfrentar a criminalidade precisamos trabalhar juntos, isto nos fortalece. O principal plano de trabalho tem sido este trabalho integrado”, detalhou o ministro.

Após as falas no Museu dos Autonomistas, o ministro, juntamente com o secretário Nacional de Segurança Pública, autoridades políticas e convidados, acompanharam o governador Gladson Cameli para realizar a entrega oficial das viaturas que estava em frente ao Palácio do Governo do Acre.

Quebrando o protocolo, o ministro Sérgio Moro e governador foram até próximo ao público que estiveram presentes no evento. Logo em seguida, o Ministro deverá almoçar na capital e depois seguir para Cruzeiro do Sul onde participará uma série de agendas envolvendo a segurança pública.

Comentários