Algumas pessoas estão pagando para ter água em casa na cidade de Assis Brasil.

Moradores de bairros da pequena cidade de Assis Brasil, localizada no extremo norte do Acre na tríplice fronteira, estão reclamando da falta de abastecimento de água em suas casas a cerca de 17 dias, tornando praticamente insustentável no período do verão amazonense.

Se aproveitando da situação, algumas pessoas perceberam que podem lucrar com a escassez, levando águas em caixa d’água encima de caminhonetes e cobrando cerca de R$ 40 reais por alguns litros. Não foi possível conversar com alguém da direção do Depasa na Capital, para saber quando seria sanada essa deficiência.

Ainda nesta quinta-feira, dia 13, o site oficial do Estado, publicou uma nota falando que o governado quer resolver esses tipos de problemas e que está entre as prioridades e irá resolver o problema.

Fala ainda que o atual sistema está defasado, “…opera por gravidade (água transportada pela força da gravidade apenas, sem bombeamento), técnica que há muito deixou de atender à necessidade da população, hoje estimada em seis mil habitantes”, escreveram. Neste meio tempo, os moradores reclamam que esse trabalho foi prometido a cerca de um ano.

No decorre do dia desta quinta-feira, moradores gravaram um morador levando água para uma das casas, e no meio, uma senhora de aproximadamente 90 anos, ajuda levando um balde cheio para dentro de casa.

Comentam que o homem que teria buscado água na estação, teria se envolvendo em uma pequena discursão com um funcionário do Depasa. Segundo o governo, a situação ainda irá perdurar por cerca de 40 dias, até instalar o novo sistema de bombas, o que não alegrou muito os moradores e pedem que disponibilizem ao menos, um carro pipa para abastecer as residências.

Veja o que o governo publicou no site oficial.

Novo sistema vai resolver problemas de abastecimento de água em Assis Brasil

Comentários