Conecte-se conosco

Extra

Moradores reclamam da falta de água do Depasa nos bairros da cidade de Assis Brasil

Publicado

em

Algumas pessoas estão pagando para ter água em casa na cidade de Assis Brasil.

Moradores de bairros da pequena cidade de Assis Brasil, localizada no extremo norte do Acre na tríplice fronteira, estão reclamando da falta de abastecimento de água em suas casas a cerca de 17 dias, tornando praticamente insustentável no período do verão amazonense.

Se aproveitando da situação, algumas pessoas perceberam que podem lucrar com a escassez, levando águas em caixa d’água encima de caminhonetes e cobrando cerca de R$ 40 reais por alguns litros. Não foi possível conversar com alguém da direção do Depasa na Capital, para saber quando seria sanada essa deficiência.

Ainda nesta quinta-feira, dia 13, o site oficial do Estado, publicou uma nota falando que o governado quer resolver esses tipos de problemas e que está entre as prioridades e irá resolver o problema.

Fala ainda que o atual sistema está defasado, “…opera por gravidade (água transportada pela força da gravidade apenas, sem bombeamento), técnica que há muito deixou de atender à necessidade da população, hoje estimada em seis mil habitantes”, escreveram. Neste meio tempo, os moradores reclamam que esse trabalho foi prometido a cerca de um ano.

No decorre do dia desta quinta-feira, moradores gravaram um morador levando água para uma das casas, e no meio, uma senhora de aproximadamente 90 anos, ajuda levando um balde cheio para dentro de casa.

Comentam que o homem que teria buscado água na estação, teria se envolvendo em uma pequena discursão com um funcionário do Depasa. Segundo o governo, a situação ainda irá perdurar por cerca de 40 dias, até instalar o novo sistema de bombas, o que não alegrou muito os moradores e pedem que disponibilizem ao menos, um carro pipa para abastecer as residências.

Veja o que o governo publicou no site oficial.

Novo sistema vai resolver problemas de abastecimento de água em Assis Brasil

Comentários

Extra

Conforto e qualidade: Gazin reinaugura loja filial na BR 317 em Epitaciolândia

Publicado

em

Na manhã desta quinta-feira (26), a Gazin reinaugurou a loja no município de Epitaciolândia em um espaço amplo, com melhores condições para receber seus clientes, a loja funcionava em um armazém que passou por uma profunda reforma e foi totalmente reestrutura para poder oferecer um melhor espaço de vendas para os clientes com climatização mantendo o padrão de qualidade da empresa.

Na cerimônia de reinauguração estiveram presentes a Gerente Ana Carrilho, Alcebíades Gerente da Loja Gazin da Santos Dumont, o gerente da Loja Gazin em Brasiléia, Jefson Silva e funcionários, imprensa e o público que aguardava para desfrutar do ovo espaço a aproveitar as promoções do dia.

Antes do corte da fita a Gerente fez o uso da palavra e falou da emoção de poder fazer parte da família Gazin, e, estar entregando mais esse investimento aos munícipes epitaciolandesnses.

“É um momento muito especial, a loja antes era muito pequena, diante da necessidade de melhor atender nossos clientes, estamos entregando hoje um novo espaço totalmente climatizado, amplo e confortável, o momento é de gratidão e muita alegria por fazer parte da família Gazin. Destacou Ana Carrilho.

A Pastora Ana Paula fez uma oração abençoando o espaço e todos os funcionários.

A filial 368 mais conhecida como Gazin da Br. Está situada no km 01, próximo ao clube Art Eventos, além de contar com um amplo espaço com conforto e comodidade, vendedores treinados para ofertar atendimento de qualidade, conta ainda com uma novidade que é a retirada do produto na loja, ganhando mais descontos nas suas compras economizando com a taxa de entrega.

Comentários

Continue lendo

Extra

Polícia Civil descobre plano para explodir caixa eletrônico na fronteira

Publicado

em

Artefato estava pronta para ser usada em uma agência bancária na fronteira.

Investigadores da Polícia Civil da cidade de Brasiléia, coordenado pelo delegado Ricardo Castro, conseguiram descobrir um plano de faccionados que pretendiam explodir caixa eletrônico em agências do Banco do Brasil na fronteira.

A partir das informações, investigadores se deslocaram até a residência do suspeito, onde havia apenas o pai do menor que permitiu o acesso ao interior da casa, onde realizaram uma revista nos cômodos.

Foi quando encontraram uma ‘banana’ de dinamite pronta para ser acionada através de um acionador eletrônico. O menor infrator que já havia sido identificado, foi localizado e conduzido para a delegacia de Brasiléia, onde foi ouvido pelo delegado Ricardo Castro.

Segundo foi informado, o artefato foi preparado com a carga necessária para explodir um caixa eletrônico, evitando danificar o mínimo possível as cédulas. No entanto, não foi especificado qual agência das duas cidades seriam o alvo.

O menor seria levado ao judiciário para os devidos procedimentos. O caso ainda está em aberto, afim de descobrir os comparsas e se possível, localizar mais explosivos que possam ser utilizados em outras tentativas.

Veja entrevista com o delegado Ricardo Castro abaixo.

Comentários

Continue lendo

Extra

Prefeita Fernanda Hassem anuncia reajuste de 14,95% no salário de professores da rede municipal

Publicado

em

A prefeita de Brasileia, Fernanda Hassem, anunciou reajuste de 14,95% no piso salarial dos professores da rede municipal e a atualização de 5,93% do Índice de preços no consumidor (INPC), para os professores da rede municipal, para o administrativo da educação, da saúde e da administração.

O anuncio foi realizado na manhã de quarta-feira (25), em seu gabinete durante uma reunião com a categoria da educação municipal e imprensa local.

“Com muita alegria eu anunciei a atualização do Piso dos profissionais da educação, afinal é dentro do magistério que temos a esperança de um país melhor. Além dos professores, também teremos a atualização automática do Índice de Preços ao Consumidor (INPC), destinado aos servidores do Setor administrativo municipal, na ordem de 5,93%. Aproveito a oportunidade para agradecer nossos servidores, além dos gestores, professores e a secretária de educação, Francisca Oliveira, que não tem medido esforço  para enfrentar os  desafios de fazer gestão da área de educação”, destacou Fernanda Hassem, prefeita de Brasileia.

A atual gestão de Brasileia já vem pagando o piso salarial dos professores desde o ano de 2019, e conforme a publicação do Ministério da Educação realizada no dia 13 de janeiro, a prefeita de Brasileia junto com a equipe técnica realizou o reajuste conforme a portaria.

Com a atualização de 14,95% do salário o impacto anual é de aproximadamente de R$ 4 milhões, com a atualização de 5,93% o impacto é de R$ 5 milhões.

A categoria dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS), também foram beneficiados com a atualização do salário conforme o reajuste do salário mínimo do país.

Comentários

Continue lendo

Em alta