12625946_889890571109084_438499469_n

Assessoria – CMB

Os moradores do bairro Francisco Peixoto se reuniram, na tarde de quinta-feira (29), para solicitar melhorias para o referido bairro. A iniciativa partiu do representante provisório do bairro, Francisco Dantas, que trabalha como agente comunitário de saúde no município.

Aproximadamente 30 moradores do referido bairro se reuniram na residência de Francisco Dantas. Além dos moradores, estiveram presentes o Presidente da Câmara de Brasileia, Mário Jorge (PMDB), os vereadores Rosildo Freitas e Fernanda Hassem Cesar (PT), o Secretário municipal de Obras, Ivanaldo da Costa Rufino, o advogado Dr. Francisco Valadares Neto e o representante do Deputado Leo de Brito na Regional do Alto Acre, Deuzimar Moura.

Os principais problemas mencionados e que vem causando transtornos à comunidade do bairro Francisco Peixoto, de acordo com relatos dos próprios moradores, dizem respeito a falta de rede de esgoto, iluminação pública, coleta de lixo e abertura e piçarramento das ruas do bairro.

De acordo com Francisco Dantas, essa é a quarta reunião que os moradores participam, sendo resolvido alguns problemas, como por exemplo a falta de rede de água e energia elétrica. Ainda segundo Francisco Dantas, a problemática do bairro envolve tanto Estado como Município, uma vez que compete ao DEPASA a rede de água e esgoto. Em relação a iluminação pública, cabe à prefeitura de Brasileia resolver o problema, uma vez que a noite o bairro encontra-se às escuras, e o perigo em relação aos jovens que estudam à noite e retornam para as suas casas é constante. Ainda segundo o representante do bairro, os ladrões já se aproveitaram da escuridão para praticar vários arrombamentos nas residências.

Para o Presidente da Câmara de Brasileia, Mário Jorge, essas reuniões são fundamentais para que se busquem soluções para os problemas dos bairros do município. “Sabemos que hoje Brasileia tem uma série de problemas para serem resolvidos no campo da gestão municipal e Estadual, e enquanto representantes do povo, devemos fazer esse elo entre a população e o poder público, para que os problemas de maior urgência das comunidades sejam solucionados”, finalizou.12071587_837718936326248_1530172395_n

Comentários