O membro da facção Comando Vermelho, o adolescente Leandro Tabosa dos Santos, de 17 anos, foi morto com um tiro na noite desta segunda-feira (25) dentro de sua casa na rua Tião Natureza, bairro Vitória, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia repassadas a reportagem, Leandro estava em casa, quando três homens não identificados supostamente da facção rival, chegaram e invadiram a residência. Armados um dos criminosos foi até a janela da casa e efetuou um tiro que atingiu Leandro no peito. Após a ação os criminosos fugiram do local.

Após ouvir o disparo, vizinhos foram até a casa da vítima e encontraram o adolescente no chão. Uma ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas ao chegar no local nada pode fazer, Tabosa que já se encontrava morto.

Policiais Militares do 5° Batalhão estiveram no local e isolaram a área para os trabalhos dos peritos em criminalística, em seguida fizeram rondas na região em busca de prender os acusados, mas ninguém foi encontrado.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavérico.

Segundo a Polícia, Tabosa estava se recuperando de um ferimento que sofreu de uma tentativa de homicídio há algumas semanas, inclusive estava usando ainda uma sonda. A Polícia disse ainda, que o adolescente de 17 anos já havia recebido várias ameaças de morte e já tinha passagens pela justiça, por homicídio, tentativa de homicídio.

O caso segue sob investigação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que já iniciaram as investigações em busca de identificar os autores do crime.

Comentários