fbpx
Conecte-se conosco

Acre

Mais de 800 indígenas participam de ação realizada pela Prefeitura de Assis Brasil

Publicado

em

O prefeito Jerry Correia acompanhado das Secretárias de Assistência Social Ynara Holanda, Ruth Oliveira da Secretaria da Mulher, Cultura e Juventude, do Coordenador de Esporte Advan Prado, estiveram na Terra Mamoadate no Rio Iaco, participando da primeira fase do Campeonato Indígena.

Esse é o segundo ano consecutivo que a prefeitura realiza o campeonato na localidade, esse ano com a presença de 21 equipes entre masculinas e femininas.

Paralelo às atividades esportivas, também aconteceram trabalhos de Assistência Social como Bolsa família, aposentadoria, cadastro do BPC e orientações, atividades de beleza, corte de cabelo, manicure e maquiagem.

Segundo levantamento, mais de 800 pessoas marcaram presença na aldeia indígena Jatobá, localizada às margens do Rio Iaco, distante mais de 100 km de Assis Brasil.

Para chegar na aldeia é necessário transporte via terrestre e fluvial pelo Rio Iaco.

Mais de 10 aldeias estiveram presentes nas atividades realizadas pela Prefeitura de Assis Brasil.

O prefeito Jerry Correia fez questão de estar presente nas atividades e compartilhou a alegria em poder levar ações da gestão municipal até lugares antes esquecidos pelo poder público.

“Estamos em mais um ano da nossa gestão realizando o Campeonato Indígena, que integra os povos indígenas Jaminawa e Machineri envolvendo nossas equipes de Esporte, da Assistência Social e da Secretaria da Mulher, Cultura e Juventude, em uma ação conjunta, daqui sai os vencedores que irão disputar a final”, destacou Jerry.

Após essa etapa do campeonato dos povos indígenas do Rio Iaco, acontece a fase das aldeias da Cabeceira do Rio Acre, que deve ocorrer no mês de agosto.

A atleta Fabia Moçabite agradeceu pela realização das atividades. “Estamos contentes com tudo que foi feito, que beneficia todas as aldeias, quero parabenizar o prefeito Jerry Correia pelas atividades”, comentou.

Sandra Jaminawa foi atendida pelos serviços do Bolsa Família e de Beleza e destacou o atendimento. “Gostei que a prefeitura além de trazer o esporte, fui atendida pelo serviço do Bolsa Família evitando da gente ir até a cidade e ainda teve maquiagem, manicure, só agradeço a prefeitura”, disse Sandra em agradecimento à atividade.

Comentários

Continue lendo

Acre

Educação oferece curso de Língua Brasileira de Sinais a professores da rede estadual

Publicado

em

Por

A Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), por meio do Centro de Apoio do Surdo (CAS), está promovendo um curso de Língua Brasileira de Sinais (Libras) para educadores da rede estadual, entre eles professores do Atendimento Educacional Especializado (AEE), regentes, mediadores, assistentes educacionais e assessores pedagógicos. 

São cerca de 57 inscritos, todos de Rio Branco. As aulas acontecem às terças e quintas-feiras, das 19h às 21h, na Escola José Rodrigues Leite e abordam a teoria e a prática da Libras, visando atender a uma necessidade identificada pela SEE. 

curso atende cerca de 57 professores da rede estadual. Foto: Mardilson Gomes/SEE

“A maioria desses profissionais foi aprovada no último concurso. Muitos estão trabalhando na sala de recursos e muitas vezes não têm um conhecimento amplo da Libras. Por isso, estamos oferecendo este curso básico, para que possam melhor atender seus alunos”, explica Lucilene Santiago, uma das professoras intérpretes de Libras que ministra o curso. 

Atualmente, a rede estadual atende 46 estudantes surdos em Rio Branco. Ana Maria Santiago, professora da sala de recursos do Colégio Acreano, conta que é umas das profissionais que há pouco tempo passou no concurso público e que o curso vai ajudá-la a atualizar seu conhecimento em Libras: “Quando descobri que tinha uma aluna surda, fiquei um pouco apreensiva porque não sabia como trabalhar com ela. Agora, com o curso, estou me atualizando e aprendendo mais sobre a língua”.

Maioria dos profissionais atendidos pela ação foi aprovada no último concurso da SEE. Foto: Mardilson Gomes/SEE

A outra professora responsável pela turma, Débora Nolasco, que também é surda, especialista em Libras e atualmente mestranda na área, destaca que a comunicação com o aluno surdo é essencial para estimular o aprendizado e a aquisição da Libras como primeira língua e do português escrito, como segunda. “O professor precisa desse conhecimento para ensinar o aluno surdo. Mesmo com todos os desafios, o conhecimento precisa chegar ao aluno surdo”, ressalta. 

Para Gleiciane Souza, assessora pedagógica do Departamento de Educação Especial, que também participa das aulas, o curso vai ao encontro do objetivo da SEE, que é levar a inclusão, em todos os aspectos, para dentro das escolas da rede estadual.  “Esse curso possibilita aos profissionais estarem mais perto dos alunos e favorece a inclusão não só na sala de aula, mas também fora dela”, afirma.

Fonte: Governo AC

Comentários

Continue lendo

Acre

GNCOC realiza primeira reunião administrativa da nova gestão

Publicado

em

Por

O Grupo Nacional de Combate às Organizações Criminosas (GNCOC) realizou na última terça-feira, 21, uma reunião administrativa em formato online.

O encontro marcou o início dos trabalhos da nova gestão do grupo, agora presidido pelo procurador-geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), Danilo Lovisaro do Nascimento, que sucede Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior, procurador-geral de Justiça do Amazonas.

Na reunião, foram discutidas as primeiras ações da nova gestão, destacando diretrizes e prioridades, com foco no fortalecimento do combate ao crime organizado em todo o país.

Danilo Lovisaro ressaltou que o grupo está em um momento de alinhamento das equipes e de profunda interlocução com os demais órgãos parceiros, destacando a importância da atuação integrada para aprimorar as ações do GNCOC.

Pelo MPAC, também integra a administração do GNCOC o coordenador do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), promotor de Justiça Bernardo Albano, que assume o cargo de secretário executivo.

Sobre o GNCOC

O Grupo Nacional de Combate às Organizações Criminosas (GNCOC) foi criado em fevereiro de 2002, por iniciativa do Conselho Nacional de Procuradores-Gerais dos Ministérios Públicos dos Estados e da União (CNPG), para combater o crime organizado em todo o país.

Composto pelos Grupos de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaecos), o GNCOC atua de maneira integrada com as Polícias Civil, Militar, Federal e Rodoviária Federal, a Abin (Agência Brasileira de Inteligência), as Receitas Estadual e Federal, entre outros órgãos.

Por meio da capacitação de membros e servidores do Ministério Público brasileiro, o GNCOC dissemina novas metodologias, práticas, técnicas operacionais e troca de informações e experiências nas ações de investigação.

Agência de Notícias do MPAC
Fotos: Tiago Teles

Fonte: Ministério Publico – AC

Comentários

Continue lendo

Acre

Celebração do 47⁰ aniversário de Mâncio Lima conta com esquema especial de segurança para acolher turistas e moradores

Publicado

em

Por

A celebração do 47º aniversário de Mâncio Lima, localidade onde é registrado o último pôr do sol do país, iniciou-se nesta quinta-feira, 23, apresentando um esquema especial de segurança para acolher turistas e seus quase 20 mil moradores. A festividade, realizada em pontos distintos do município, estende-se até o dia 30 deste mês, promovendo à população do Vale do Juruá momentos de alegria, entretenimento e geração de oportunidades.

Além de agentes do município, o esquema conta com reforço de policiais militares de Cruzeiro do Sul e também de seguranças particulares contratados pelo Município. As operações visam garantir o acesso fácil aos locais de realização das atividades, além de coibir crimes de trânsito e outras práticas criminosas durante o evento.

Celebração do 47⁰ aniversário de Mâncio Lima conta com esquema especial de segurança. Foto: Marcos Santos/Secom

“A Polícia Militar e parceiros atuam para garantir um evento tranquilo à população. Estamos reforçando o patrulhamento nas ruas, com o objetivo de que a população prestigie o evento com total segurança e que seja preservada a paz em Mâncio Lima”, explica o capitão Odair Nogueira, comandante do 1º Pelotão da Polícia Militar em Mâncio Lima.

“Preparamos uma programação para que o povo brinque e aproveite bastante. Quero externar meus sinceros agradecimentos aos parceiros, em especial ao governo do Estado, que, por meio dos esforços do governador Gladson Cameli, não tem medido esforços para investir em Mâncio Lima, promovendo desenvolvimento e melhorias de vida à população”, ratificou Ângela Figueiredo, prefeita em exercício.

Programação

Dia 23 de junho – Festival da Canção Manciolimense e Carnaval fora de época

Local – Alameda das Águas

Dias 24 e 25 de junho – abertura do rodeio e shows com artistas locais

Local – Arena de rodeio, localizada no Bairro São Francisco

Dia 26 de junho – Cavalgada

Trajeto: início em frente à quadra do bairro do Cesário, finalizando na arena de rodeio

Dia 27 de junho – abertura, com o show gospel de Edson Rufino, da Expo Mâncio Lima, que será realizada nas dependências do Estádio O Totão

Dia 28 de junho – segundo dia de feira, com shows de artistas locais

Dia 29 de junho – show nacional de Vitor Fernandes

Dia 30 de junho – encerramento, com desfile cívico-militar e realização da 30ª Corrida de Pedestres Governador Edmundo Pinto

Fonte: Governo AC

Comentários

Continue lendo