A ex-deputada Leila Galvão jogou um balde de água fria no sonho dos cardeais emedebistas a respeito da possível candidatura dela à Prefeitura de Brasileia. Ela é mais uma petista nomeada no governo Gadson.

Leila Galvão assumiu um cargo na Secretaria de Estado de Educação no governo progressista. Vai coordenar o Polo de Apoio Presencial da Universidade Aberta do Brasil – UAB de Brasíleia, vinculado à SEE. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado.

A ex-parlamentar petista era cotada para enfrentar sua “afilhada política”, Fernanda Hassem. Com a aceitação para o novo cargo, ela enterra a possibilidade de vir a concorrer com Hassem, favorecendo-a nas eleições de outubro, uma vez que o MDB não tem um nome forte para enfrentar a atual prefeita.

Comentários