Fachada da Assembleia Legislativa do Acrer/Foto: reprodução

Com a criação do fundo estadual, o Acre pode ter acesso ao fundo nacional; o governo federal disponibilizou R$ 300 mi pra o norte do país

No início da tarde desta terça-feira (27), durante a sessão ordinária realizada na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), os deputados estaduais aprovaram projetos de autoria do Poder Executivo e algumas indicações do parlamento.

Uma dos projetos n° 83/2019, Institui o gabinete da primeira dama, Ana Paula Cameli, vinculado ao do gabinete do governador Gladson Cameli. A matéria for aprovada por 16 votos e teve o deputado Gehlen Diniz (Progressistas), como relator.

Outra matéria de autoria do Poder Executivo foi o projeto n° 82/2019, Que institui o Fundo Estadual de Segurança pública, com o objetivo de acessar os recursos nacionais oriundos do Fundo Nacional. A matéria foi aprovada por 16 votos.

De acordo com os deputados, para a região norte, o governo federal disponibilizou cerca de R$ 300 milhões para investimentos.

A mesa diretora aprovou também, uma sessão temática em apoio à empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, para o dia 19 de setembro. A indicação é de autoria do deputado Edvaldo Magalhães do PCdoB. Na ocasião, o parlamento aprovou também, o Conselho Estadual de Segurança pública no âmbito do Estado do Acre.

Comentários