Conecte-se conosco





Extra

Juiz de Xapuri determina prisão de condenado e retorno ao presídio por descumprir regras

Publicado

em

Na madrugada deste sábado, dia 09, o investigador de polícia Eurico Feitosa, com o apoio da guarnição da Polícia Militar de Xapuri, cumpriu um mandado de prisão, expedido pela vara criminal da Comarca do Município, em desfavor do réu K.O. Juiz de direito, titular da Comarca de Xapuri, Dr. Luis Gustavo Alcalde Pinto, decretou na tarde de ontem, dia 08, a prisão preventiva  do réu, que estava em prisão domiciliar aguardando julgamento pela prática de tráfico de drogas e não cumpriu as condições impostas.

Dr. Luis Gustavo Alcalde Pinto, decretou a prisão preventiva  do réu que estava em prisão domiciliar

Durante o mês de agosto do corrente ano, o réu foi flagrado em via pública, acompanhado de outras pessoas envolvidas com o mundo do tráfico de drogas em pleno e absoluto descumprimento das condições da prisão domiciliar, pois somente estava autorizado sua saída da residência em caso de emergência médica para atendimento em unidade de saúde devidamente comprovada.

A equipe do investigador Eurico Feitosa, em agosto deste ano, ao flagrar o réu em via pública, fez a abordagem policial e registrou o fato a autoridade policial. Dr Gustavo Neves, comunicou o fato ao Poder Judiciário sendo assim decretada, novamente, sua prisão preventiva e expedido o competente mandado de prisão contra o réu.

Não bastasse o motivo da decretação da prisão preventiva ter sido a circulação do réu via pública, já que estava em prisão domiciliar, novamente, na madrugada deste sábado estava em via pública no momento de sua captura e prisão realizada inicialmente pelo Inspetor  Eurico Feitosa que fez a ordem de prisão que imediatamente acionou a guarnição da polícia militar em sinal de reforço de escolta, representando, a conduta do réu, duplo descumprimento e assim, demonstrando que não possui autodisciplina e responsabilidade para permanecer em prisão domiciliar e vai aguardar seu julgamento na Penitenciária Francisco de Oliveira Conde.

Após a prisão do réu, foi realizada os procedimentos de praxe e ele será encaminhado a Penitenciária  nas próximas horas. A previsão é de que outros traficantes serão capturados e presos, nos próximos dias, pela polícia civil de Xapuri.

O réu no momento de sua prisão, estava acompanhado de  outra pessoa que recentemente tinha saído do presídio, de acordo com alguns benefícios da lei.

Comentários

Em alta