Equipe médica e Bombeiros tentaram o possível para salvar Valtemir - Foto: Alexandre Lima
Equipe médica e Bombeiros tentaram o possível para salvar Valtemir – Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima

Um homem de aproximadamente 48 anos, inicialmente identificado pelo apelido de ‘Paraná’ ou ‘Polaco’, foi assassinado na manhã das quarta-feira, dia 27, por volta das 10h00, vítima de arma de fogo que ainda chegou a ser socorrido por homens do corpo de bombeiros do 5º Batalhão e levado ao hospital de Brasiléia, onde uma grande equipe médica.

Mesmo com o todo o esforço, Valdemir de Freitas Bayão, não resistiu ao ferimento em sua barriga, indo a óbito cerca de 30 minutos depois de dar entrada no hospital de Brasiléia. O local do assassinato, foi na residência onde morava de favor localizada no Bairro Três Botequins, parte alta da cidade.

Graças ao trabalho ágil das polícias Civil e Militar, foi possível chegar ao autor do crime no Bairro Leonardo Barbosa. Iranildo Santos Souza (18), foi cercado nas proximidades da quadra esportiva e ainda tentou fugir, mas foi cercado dentro de igapó e rendido.

Em sua defesa, disse que o motivo do crime, foi um acerto de contas, uma vez que a vítima o teria ameaçado por duas vezes e o acusado de furto. A arma usada e localizada após a detenção juntamente com munição, foi uma escopeta adaptada, calibre 22 e foi disparado um único tiro na barriga de Valtemir.

O corpo de Valtemir seria transladado ao IML na Capital para exames cadavérico e liberado para seus familiares que moram numa comunidade localizada na BR 364. A vítima sobrevivia de ‘bicos’ e acumulava entulhos construía churrasqueiras com ferros.

VEJA VÍDEO REPORTAGEM.

 

    Valtemir ainda foi levado com vida para o hospital de Brasiléia...
Valtemir ainda foi levado com vida para o hospital de Brasiléia…
Ferimento em sua barriga foi fatal...
Ferimento em sua barriga foi fatal…
Iranildo foi preso no Bairro Leonardo Barbosa e ainda tentou fugir mais cercado pelos agentes civis e militares - Foto: Alexandre Lima
Iranildo foi preso no Bairro Leonardo Barbosa e ainda tentou fugir mais cercado pelos agentes civis e militares – Foto: Alexandre Lima
Iranildo Santos Souza (18), foi cercado nas proximidades da quadra esportiva - Foto: Alexandre Lima
Iranildo Santos Souza (18), foi cercado nas proximidades da quadra esportiva – Foto: Alexandre Lima
ASSASSINATO POLACO-129
Arma usada por Iranildo. Uma escopeta adaptada para receber munição calibre 22, foi apreendida juntamente com munição. Foto: Alexandre Lima

Comentários