fbpx
Conecte-se conosco

Extra

Governo lança campanha de multivacinação para garantir cobertura vacinal no Acre

Publicado

em

O governo do Acre, em parceria com o Ministério da Saúde e da Prefeitura de Rio Branco, lançou a campanha de multivacinação neste sábado, 27, para todo o Acre.

A campanha teve abertura simbólica com uma cerimônia e vacinação em frente ao Palácio Rio Branco, na capital. O objetivo da campanha é vacinar principalmente crianças e jovens para reforçar a cobertura vacinal do estado.

O governador voltou a defender a eficácia das vacinas. Foto: Diego Gurgel/Secom.

“A campanha de multivacinação ocorre em outubro e foi antecipada pelos casos de poliomielite no Peru, país que faz fronteira com o Acre. Iniciamos hoje, no dia  27 de maio, e vamos até o dia 7 de junho. Vacinamos contra difteria, tétano, coqueluche, rubéola, influenza e a própria covid-19”, destacou Renata Quiles, coordenadora do Programa Nacional de Imunização (PNI) estadual.

O governador Gladson Cameli participou da solenidade, e agradeceu ao Ministério da Saúde e ao governo federal pelo apoio.

O secretário de Saúde, Pedro Pascoal, destacou o trabalho importante da vacinação contra a Covid-19 no Acre, iniciada na gestão anterior. Foto: Diego Gurgel/Secom.

“Nossas crianças tem que estar protegidas, todas as esferas do poder executivo estão trabalhando em conjunto para concretizar essa meta que é vacinar e proteger os jovens no nosso estado. Agradeço ao presidente Lula e ao governo federal por essa preocupação com o nosso Acre”, frisou.

O governador Gladson Cameli aproveitou s oportunidade para se vacinar. Foto: Diego Gurgel/Secom.

De acordo com o diretor do Departamento Nacional de Imunização e Doenças Imunopreveníveis, Eder Gatti, representando o Ministério da Saúde, a instituição vai voltar a realizar repasses para os estados.

“O governo federal está empenhado na campanha de multivacinação. Queremos estar próximos aos estados e municípios, para isso disponibilizamos recursos federais. Os repasses do ministério vão retornar, e só o Acre vai receber mais de R$ 1,4 milhão para continuar as ações de vacinação no estado”, declarou.

Raimunda Lima foi até o palácio se vacinar contra a gripe e ressaltou a importância da ação.

“O importante é que quem está aqui no Centro podem vir aqui e seguir a sua vida. Quem mora longe como eu, na colônia, com a vacina da gripe não ficamos doentes, então não precisamos vir à cidade”, disse.

O que disseram

“Já tivemos um sucesso na campanha da vacinação da covid-19. Mas nossos índices vacinais estão baixos, para doenças como a poliomielite estamos muito abaixo, nossa ideia é junto com o governo federal, estadual e municipal melhorar nossos índices vacinais”, Pedro Pascoal, secretário de Saúde.

“Forças internacionais, nacionais, estaduais e municipais estão reunidas em prol de salvar vidas aqui hoje”, Michelle Melo, deputada estadual.

“A gente precisa transitar essa informação da vacina por todo o estado do Acre. Quero me comprometer aqui com o PNI a conseguir uma emenda para adquirir uma van ou ônibus para que a vacina seja levada a todos os municípios do estado”, Roberto Duarte, deputado federal.

“Precisamos contar com todos aqui, pois é importante vacinar crianças e adolescentes. O Brasil é um grande exemplo na vacinação, e parabenizamos essas iniciativas pois acreditamos que a vacina, água potável e aleitamento materno são estratégias que devem ser disponibilizadas para todos”, Lely Guzman, assessora internacional da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas).

“Parabéns ao governo, que durante a pandemia nos trouxe a vacina. Nosso projeto e a vontade é a mesma, de vacinar idosos, crianças e adolescentes”, Tião Bocalom, prefeito de Rio Branco.

Comentários

Continue lendo

Extra

Por tráfico de drogas: Ex-militar da Aeronáutica tem prisão preventiva decretada

Publicado

em

Flagrado com 178 quilos de entorpecentes,Matheus de Souza Oliveira, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça do Acre.

A decisão foi da juíza da Vara de Plantão durante audiência de custódia, no Fórum Criminal.

O ex-cabo da Aeronáutica, foi preso na noite do último sábado, 20,  em Rio Branco.

A ação foi realizada por investigadores da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico da Polícia Civil e contou com o apoio do núcleo da DENARC de Cruzeiro do Sul.

Na carreta, conduzida pelo ex-militar, os agentes da DENERC, encontraram 178 quilos de drogas, além de R$ 14 mil em dinheiro.

O entorpecente, estava escondido em bolsas de viagem, atrás do banco do motorista.

Matheus de Souza, saiu de Cruzeiro do Sul e teria como destino Rio Branco, mas foi abordado pelos agentes da DENARC, na Vila Custódio Freire.

O delegado Saulo Mâcedo, disse que a apreensão  é resultado de um trabalho, que vem sendo desenvolvido pela Delegacia de Repressão ao Narcotráfico.

A ação dos policiais da DENARC, resultou em um prejuízo  de cerca de R$ 4 milhões. Só carregamento de entorpecente, estava avaliado em  R$ 3 milhões.

A carreta, que foi apreendida, custa cerca de R$ 1 milhão.

Só este ano os agentes da DENARC, apreenderam mais de 200 quilos de drogas e cerca de R$ 100 mil.

Comentários

Continue lendo

Extra

Em Brasiléia, homem é condenado por estupro de vulnerável

Publicado

em

O Juízo da Vara Criminal de Brasiléia condenou um homem por estupro de vulnerável. A pena estipulada foi de nove anos e quatro meses de reclusão, em regime inicial fechado. A decisão tramita em segredo de Justiça.

A vítima tinha 12 anos de idade na época dos fatos. O réu disse que era casado e que o relacionamento acabou justamente por causa do envolvimento com a vítima. Ele afirmou que não perguntou a idade da menina, então justificou que sua atitude foi de chamá-la para sua casa e ela foi, portanto se trataria de relação consensual, deste modo tentando normalizar o contato ilícito.

O contexto dos fatos apresentado nos depoimentos tem-se que se tratava de duas meninas que viviam com o pai, porque a mãe as teria abandonado. É frequente que os crimes sejam cometidos por pessoas próximas, neste caso, o réu era vizinho e os contatos ocorreram enquanto o genitor trabalhava.

Ao analisar o mérito, a juíza Bruna Barreto enfatizou que se trata de uma vítima vulnerável, já que possuía menos de 14 anos de idade, logo punição é própria do tipo penal. Na dosimetria, foi considerada como causa de aumento da pena o fato de se tratar de um crime continuado.

Comentários

Continue lendo

Extra

Em Epitaciolândia: Jogo universitário termina em pancadaria

Publicado

em

Uma final de um campeonato de futebol organizado por acadêmicos de medicina que estudam em uma faculdade boliviana localizada em Cobija, capital de Pando, deveria terminar na noite deste domingo, dia 21, no ginásio de Esportes Wilson Pinheiro, na cidade vizinha de Epitaciolândia.

Segundo foi informado, cerca de 11 times participaram desse campeonato organizados pelos próprios estudantes, como forma de que todos participassem como forma de confraternização, mesmo que não houvesse patrocínio da instituição.

Tudo ia bem até a final entre dois times neste domingo até a vitória de um plantel. Não satisfeito, ao que parece em um dos vídeos, um dos torcedores do time que perdeu, não aceitou a derrota e iniciou uma confusão que foi tomando proporções maiores.

Foi quando iniciou uma briga generalizada, envolvendo jogadores e torcedores de ambos os lados. Imagens feitas por populares publicadas em grupos de redes sociais, mostra a confusão até que os ânimos se acalmassem

Não foi informado se houve registro na delegacia do Município, ou feridos que necessitassem entrada no hospital. Também não se tem registro se a final houve campeão.

Veja as imagens.

Comentários

Continue lendo