fbpx
Conecte-se conosco

Flash

Governador Gladson Cameli participará de agendas ambientais no Reino Unido e Noruega

Publicado

em

Governador pretende apresentar a atuação do estado como um dos protagonistas entre os sistemas de salvaguardas ambientais da Amazônia. Foto: Diego Gurgel/Secom

Em Londres, Gladson participará de reunião com embaixador do Brasil, sobre a Semana do Clima; Dia do Conhecimento sobre REED+ pautará agenda em Oslo

Dando continuidade a política de governança de desenvolvimento sustentável e estratégias para redução de desmatamento e contenção aos impactos das mudanças climáticas na Amazônia, o governador Gladson Cameli participará de uma reunião com o embaixador do Brasil no Reino Unido e da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, Antônio de Aguiar Patriota e o secretário de Meio Ambiente e Energia, Nicola Speranza, no dia 25 de junho, na sede da Embaixada do Brasil, no Reino Unido.

Na mesma missão oficial, Cameli também atenderá ao convite da ONU-REED para participar, no dia 27 de junho, do Tropical Forest – Norway – Dia do Conhecimento sobre REDD+, em Oslo, na Noruega, unindo-se a vários participantes que compartilharão a experiência de vários países na transição da preparação do apoio técnico e institucional nas iniciativas de ações para redução de carbono e emissões do desmatamento e degradação florestal.

Governo busca parceiros para investir em projetos de bioeconomia, reflorestamento e produção de açaí, cacau, mandioca e outras plantações que gerem rentabilidade em várias regiões do estado. Foto: Arquivo Secom

Durante o período, estará ocorrendo a Semana do Clima, em Londres, com data entre 24 a 27 de junho, com a finalidade de discutir e divulgar projetos de venda de ativos ambientais e buscar investidores para bioeconomia e negócios sustentáveis, considerando a presença do governador primordial para captação de recursos que garantam investimentos nas políticas ambientais do estado do Acre, segundo enfatizou o diretor-presidente da CDSA, José Luiz Gondim dos Santos.

Na reunião com o embaixador, o governador do Acre pretende apresentar a atuação do estado como um dos protagonistas entre os sistemas de salvaguardas ambientais da Amazônia, conciliando desenvolvimento voltado para bioeconomia e preservação florestal. “Somos um estado com mais de 85% de sua floresta preservada. Nossa biodiversidade é uma das maiores do mundo. Nossa política de desenvolvimento com sustentabilidade fez com que o nosso estado fosse o primeiro do Brasil a receber recursos do Fundo Amazônia”, celebra Cameli.

Comunidades locais no estado prosperam economicamente e culturalmente em seus territórios, valendo-se do uso sustentável dos recursos, atuando como guardiões da floresta. Foto: Marcos Vicentti/Secom.

Entre as pautas que o governo do Acre deve apresentar na reunião com Embaixada do Brasil no Reino Unido estão a apresentação de projetos de venda dos créditos de carbono para investimentos nas comunidades tradicionais como ribeirinhos e indígenas, e ainda a busca de parceiros para investir em projetos de bioeconomia, reflorestamento e produção de açaí, cacau, mandioca e outras plantações que gerem rentabilidade em várias regiões do estado.

Parceria com o Pnuma garante conservação e proteção dos recursos naturais

Já, na agenda da Noruega, nos dias 26 e 27 de junho, no evento coorganizado pelo programa UN-REDD, o governador palestrará sobre as ações de incentivos ambientais, sendo o Acre protagonista e pioneiro na criação de um Sistema de Incentivos a Serviços Ambientais (SISA), para implementar mecanismos econômicos e financeiros para geração de ativos ambientais que financiam políticas climáticas e de desenvolvimento sustentável, com inclusão e bem-estar social, por meio de repartição de benefícios.

Também, em Oslo, o governador assinará, por meio do Instituto de Mudanças Climáticas (IMC), um o memorando de entendimento com o Programa Ambiental das Nações Unidas (Pnuma)  para colaboração em áreas de interesse mútuo  para conservação, proteção, valorização e apoio aos recursos naturais, e assim desenvolverem ações nas áreas de meio ambiente como a mitigação das alterações climáticas, tendo como um dos maiores objetivos a maior redução de emissões e aumento da atratividade para investidores e compradores no mercado de carbono devido aos créditos de alta integridade.

Política de desenvolvimento do sistema de incentivos ambientais beneficiam populações tradicionais e povos indígenas. Foto: Marcos Vicentti/Secom

O UN-REDD é um programa colaborativo das Nações Unidas, cujo objetivo é apoiar países em desenvolvimento na implementação de estratégias de REDD+ (Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação Florestal), mobilizando recursos financeiros e técnicos para apoiar esses países na conservação de suas florestas, e assim promover o desenvolvimento sustentável.

Preservação florestal e desenvolvimento econômico destacam gestão de Gladson Cameli

 Durante sua gestão como governador, Gladson Cameli tem destacado o Acre em diversas agendas ambientais, entre elas a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP) durante suas participações na Espanha, Escócia, Egito, Emirados Árabes, apresentando dados com redução da degradação florestal e seu compromisso com o fortalecimento do programa ISA Carbono, do Sistema de Incentivos Ambientais (SISA), premiado em primeiro lugar no Prêmio de Excelência em Competitividade 2023, na categoria Boas Práticas, com o programa REM, na sua fase II.

Acre busca colaboração em áreas de interesse mútuo para conservação, proteção, valorização e apoio aos recursos naturais. Foto: Alexandre Cruz-Noronha/Sema

Gladson Cameli integra a Força-Tarefa dos Governadores para o Clima e Floresta (GCF Task Force), sendo o Acre um dos estados membros fundadores da colaboração subnacional devido sua política de governança de desenvolvimento sustentável e estratégias para redução de desmatamento e contenção aos impactos das mudanças climáticas na Amazônia, unindo-se aos 43 estados membros e províncias que cobrem mais de um terço das florestas tropicais do mundo.

O governador acreano compõe a Assembleia de Governadores da Amazônia, instância máxima do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal e do Fórum de Governadores da Amazônia Legal. Assinou em abril deste ano, o pacto com o governo federal que visa a prevenção e controle de incêndios na Amazônia – além do Pantanal e o contrato do Fundo Amazônia e BNDES para investimentos em setores ambientais.

Comentários

Continue lendo

Flash

Tem Boca sim! Bolsonaro ao vivo e cerca de 12,5 mil pessoas marcam convenção de Bocalom e Alysson

Publicado

em

Assessoria

Cerca de 12,5 mil rio-branquenses marcaram presença na convenção partidária que oficializou a candidatura a prefeito de Tião Bocalom (PL-AC) e Alysson Bestene como vice-prefeito. O evento contou com a presença de grandes autoridades do estado e oficializou também as candidaturas à Câmara de Vereadores dos partidos da aliança: PL, PP, União Brasil, PSDB/Cidadania e Podemos.

O Ginásio do Sesc ficou lotado. Todo o pass pátio também. Mas quem ficou na parte de fora também acompanhou o evento: a organização preparou estrutura com telões e som para a militância que ficou na parte externa.

Um dos momentos mais marcantes da festa foi a participação, em vídeo, do ex-presidente Jair Messias Bolsonaro. O maior líder da direita brasileira deixou uma mensagem a todos os presentes, lembrando dos dias que esteve em território acreano e a importância do projeto encabeçado por Bocalom e Alysson: “Nós não vamos desistir de Rio Branco, do Acre e nem do Brasil!”.

Michelle Bolsonaro também participou em vídeo e deixou uma mensagem especial às mulheres: “É chegado esse dia tão especial! Quero saudar a todos, em especial às nossas mulheres. Nós vamos sim, falar de política e promover a verdadeira revolução. Vamos fazer isso em colaboração mútua. Que Deus nos abençoe”.

O senador Márcio Bittar, que colocou Bolsonaro à linha, comemorou a união da direita ainda no primeiro turno: “Essa chapa é a chapa da união, por isso estamos aqui. Isso não seria possível se não houvesse uma colaboração mútua, com um objetivo em comum. Em 2026, estaremos com Bolsonaro de novo!”. Os deputados federais Ulysses, Antônia Lúcia, Gerlen Diniz e estaduais Nicolau Júnior e Arlenilson Cunha, além do prefeito de Bujari Padeiro, vereadores, vice-governadora Mailza também abrilhantaram o evento.

O governador Gladson Cameli falou da importância de todos no período de campanha, agradeceu aos que atenderam seu chamado para apoiar a aliança e reiterou total apoio a Bocalom: “Tem uma cidade que precisa ser cuidada, e aqui está a melhor opção para cuidar dessa cidade. Gosto de governar, gosto das pessoas, e Bocalom e Alysson vão nos ajudar nesse trabalho. Preciso de vocês unidos!”.

Alysson Bestene falou sobre a alegria de presenciar esse momento, e pediu aos rio-branquenses a oportunidade de ajudar a cuidar da cidade. “Tô muito feliz! Podem certeza que vocês vão ter um amigo, um trabalhador. Bocalom, pode ter certeza que você vai ter um vice-prefeito leal. Rio Branco, vamos continuar avançando!”.

Emocionado, Tião Bocalom agradeceu ao senador Márcio Bittar pela união e a todos os envolvidos na grande festa. “Que festa linda! Esse é o momento mais especial da minha vida. Agradeço de coração a cada um que está aqui festejando com a gente. Eu tenho certeza que essa união vai nos levar a vitória, ainda no primeiro turno!”.

Comentários

Continue lendo

Flash

Educação do Estado lança e-book para divulgar métodos de inclusão de alunos com TDAH nas escolas

Publicado

em

Em resposta ao aumento significativo de diagnósticos de alunos com transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH) nas escolas da rede pública, a Secretaria de Estado de Educação e Cultura do Acre (SEE) lançou na primeria quinzena de julho o e-book “Guia para inclusão de alunos com TDAH no contexto escolar”. O material visa subsidiar os profissionais da educação no atendimento a esse público-alvo e será utilizado nas escolas da rede estadual a partir do segundo semestre de 2024.

Como o TDAH é um transtorno do neurodesenvolvimento que afeta o comportamento e pode prejudicar a aprendizagem, a equipe do Departamento de Educação Especial da SEE identificou a necessidade de fornecer orientações claras aos professores, gestores e coordenadores pedagógicos sobre como lidar com esses alunos.

Guia visa subsidiar profissionais da Educação no atendimento às crianças com TDAH no ambiente escolar. Foto: Mardilson Gomes/SEE

Especialistas do departamento realizaram uma ampla revisão da literatura existente sobre TDAH e consultaram o parecer do Conselho Estadual de Educação. O resultado é um e-book abrangente, que explica o que é o TDAH, seus efeitos no ambiente escolar e oferece exemplos de intervenções práticas para minimizar as dificuldades. A construção do material levou seis meses.

“As escolas traziam essa dificuldade para nós, de como lidar com estudantes com TDAH e, em função dessa dificuldade, elas estavam sempre buscando um apoio de professor mediador. E aí, como esse não é um público que é indicado para ser atendido por professor mediador, desenvolvemos o guia para orientar todos os profissionais sobre os ajustes possíveis que irão contribuir para amenizar as dificuldades que se apresentam em sala de aula”, explica Hadhianne Peres, chefe do departamento.

Chefe do Departamento de Educação Especial, Hadhiane Peres explica que guia surgiu da necessidade dos profissionais da educação saberem como lidar com alunos com TDAH. Foto: Mardilson Gomes/SEE

Preparar os professores para lidar com diferentes formas de aprendizagem é essencial para apoiar e promover o desenvolvimento dos alunos. As orientações fornecidas no guia têm como objetivo facilitar a integração dos alunos com TDAH com seus colegas, promovendo um ambiente escolar mais inclusivo e acolhedor.

“Esse guia é tudo o que nós, professores regentes, precisávamos, porque, quando a criança chega, começamos notar a diferença de uma para outra. Existem muitas crianças em uma turma e elas pensam e aprendem de todas as maneiras. Esse guia veio para nos ajudar a identificar cada transtorno. Eu já li e reli e estou encantada com o guia. Ele vai nos ajudar na elaboração de estratégias para lidar com cada criança”, enfatizou a professora Maria Enilda Portela, da Escola Luísa Batista, em Rio Branco.

O material foi distribuído por e-mail às equipes gestoras das escolas da rede estadual de ensino e aos Núcleos de Representação da SEE nos municípios. Para as escolas do campo, o guia será entregue em formato impresso, garantindo que todos os profissionais tenham acesso às estratégias pedagógicas necessárias para otimizar o ensino.

“Esse guia veio para nos auxiliar dentro da escola, não só os professores, coordenadores e gestores, mas todas as pessoas que estão dentro da escola e lidam com os alunos. Ele chegou numa boa hora, pois muitas vezes, diante de diversas situações apresentadas por uma criança com TDAH, não sabemos como lidar, então esse guia vai ser uma cartilha diante dessas situações”, declarou Cristina Araújo, gestora da Escola Ramona de Castro, também na capital.

O material será utilizado já no segundo semestre de 2024, em todas as escolas do estado. Foto: Mardislon Gomes/SEE

O guia inclui orientações específicas para os professores regentes e os responsáveis pelas salas de recursos multifuncionais. Embora os alunos com TDAH geralmente não sejam acompanhados por mediadores, já que o TDAH não é uma deficiência, a publicação enfatiza a importância de adaptações e acompanhamento em sala de recursos para apoiar esses estudantes.

Confira o Guia

Comentários

Continue lendo

Flash

Em operação, PF do Acre prende traficante que pretendia levar drogas para o Rio Grande do Norte

Publicado

em

Foram cumpridos dois mandados judiciais, sendo um de busca e apreensão e um de prisão, expedidos pelo TJAC

Comentários

Continue lendo