Gina Menezes

O líder do PSDB na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Luiz Gonzaga, usou a tribuna da casa na manhã desta terça-feira (5) para denunciar a precariedade da saúde pública no município de Feijó e para frisar que o serviço de Tratamento Fora de Domicílio (TFD) tem sido ineficiente e tem causado prejuízos a aqueles que necessitam do serviço.

Luiz Gonzaga afirmou que uma criança, natural de Feijó, quase faleceu por falta de tratamento adequado e que necessitava sair daquela cidade para realizar tratamento médico.

“Essa crianca tinha que ir para fora para fazer o tratamento adequado e estava morrendo a míngua por falta de recursos. Como o TFD não fazia nada foi necessário a vereadora Terezinha ir lá e trazer ao menos até para Rio Branco”, diz.

O deputado tucano denunciou também que o idoso de 89 anos, vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), esperou mais de 9 dias até conseguir um encaminhamento para uma unidade de saúde na capital.

“Veja o tamanho do absurdo, um senhor de 89 anos passar 9 dias para conseguir um encaminhamento para Rio Branco. Lá falta de tudo, não tem nem aparelho para realizar ultrassonografia”, diz.

Comentários