Ilustração mostra que o Município de Braisléia esté em falta com suas prestações de contas de 2016
Da Assessoria

Ex-gestores de Brasiléia não apresentam prestação de contas referente o ano de 2016, ao Tribunal de Contas do Estado (TCE). A informação foi divulgada pela equipe do Tribunal, durante o Seminário sobre Gestão Pública Municipal, realizado em Brasiléia, e que reuniu todos os prefeitos do Alto Acre.

A informação está no site do Tribunal de Contas do Acre, no Portal do Cidadão, e pode ser acessada por qualquer pessoa, no endereço eletrônico: www.tce.ac.gov.br

Brasiléia, é o único município destacado em vermelho por não ter enviado as informações exigidas pelo Tribunal, que deveriam ter sido encaminhadas até o dia 30 de novembro, de 2016. As informações publicadas pelo Tribunal garantem a transparência da gestão, e são uma exigência para qualquer administração pública.

Segundo a diretora de auditoria financeira e orçamentária do TCE, Semirames Dias, já foi aberto um processo para apurar a responsabilidade pelo não envio das informações, em nome dos ex-gestores do município.

“O município sofre com a falta de transparência, e a população fica sem saber onde estão sendo investidos os recursos. Os antigos gestores serão penalizados de acordo com a resolução 87/2013, e eles respondem por essa situação”, falou.

A atual administração tem o prazo até o dia 30 de janeiro para repassar os dados dos meses de novembro e dezembro, e como não recebeu as informações dos ex-gestores, fará um comunicado oficial da situação ao TCE. A nova data para repasse das remessas será em 30 de março de 2016.

 

Comentários