Leila Galvão já foi filiada ao partido. Na reunião com os emedebistas, a petista afirmou que uma eventual decisão será tomada após conversas com familiares, amigos e apoiadores dela.

Ex-prefeita e ex-deputada Leila Galvão (PT).
Luciano Tavares

A ex-prefeita e ex-deputada estadual Leila Galvão (PT) foi convidada a se filiar ao MDB por dirigentes do partido para concorrer à prefeitura de Brasileia em 2020. A informação foi confirmada pelo ex-deputado federal João Correia, da executiva estadual do MDB.

Após a conversa com Leila, os dirigentes ficaram animados com a possibilidade de a ex-deputada trocar o PT pelo MDB. Leila já foi filiada ao partido. Na reunião com os emedebistas, a petista afirmou que uma eventual decisão será tomada após conversas com familiares, amigos e apoiadores dela.

“A equipe do MDB sentiu-se satisfeita. Espero que Leila Galvão tenha compreensão de que as águas passadas não movem moinhos e de que o futuro não existe e é apenas uma fantasia se for desvinculado do presente, do aqui e do agora. Estamos animados com a probabilidade de um animado sim e em vencer as eleições na gloriosa jóia do Alto Acre, oferecendo aos brasileienses uma gestão de comprovada eficiência. Ninguém esquece o caminho de volta à casa onde nasceu”, salientou João Correia.

A disputa majoritária em Brasileia deve ter como protagonistas duas mulheres: a atual prefeita Fernanda Hassem, do PT, e Leila Galvão, provavelmente pelo MDB.

Comentários