Conecte-se conosco

Cotidiano

Estudo aponta redução de atendimentos de saúde mental durante pandemia

Publicado

em

UnB, UFGRS e Hospital das Clínicas de Porto Alegre fizeram a pesquisa

Depressão, suicidio

Um estudo de pesquisadores brasileiros publicado no periódico internacional The Lancet apontou uma queda do atendimento de saúde mental durante a pandemia. O trabalho indicou o impacto da pandemia da covid-19 sobre este tipo de cuidado, em um momento de crescimento de transtornos mentais, como ansiedade e depressão.

Segundo análise de pesquisadores da Universidade de Brasília, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e do Hospital das Clínicas de Porto Alegre, foram registrados nos primeiros seis meses da pandemia 1,18 milhão de atendimentos ambulatoriais relacionados à saúde mental.

Esse número, segundo os autores, é 28% abaixo do que seria esperado. A expectativa a partir dos dados de períodos anteriores era de uma média de 1,66 milhão de procedimentos deste tipo.

Os atendimentos de grupo tiveram uma queda de 68%. Nos seis meses examinados pelo estudo, ocorreram 102,4 mil atendimentos coletivos. Entretanto, a expectativa a partir das médias de anos anteriores era de 317,8 mil.

A hospitalização psiquiátrica também sofreu com a pandemia, com uma redução de 33%. As internações entre março e agosto de 2020 totalizaram 289,2 mil. Mas a média esperada era de 430,3 mil.

A pesquisa também identificou procedimentos associados à saúde mental que cresceram durante a pandemia. As consultas de emergência nessa área subiram 36%. Já o atendimento domiciliar teve um acréscimo de 52%. Os dados sinalizam a opção das pessoas por evitar o ambiente de clínicas e hospitais e serem atendidas em seus lares.

“Nossos achados mostram uma mudança dramática na assistência à saúde mental durante a pandemia. Esse fenômeno pode agravar a crise de saúde mental e gerar uma pandemia paralela que pode durar por um tempo maior do que a pandemia da covid-19”, concluem os autores no estudo.

Comentários

Cotidiano

Copinha Arasuper de Futsal com 6 partidas na Assincra

Publicado

em

A fase de classificação da 8ª Copinha Arasuper de Futsal terá mais seis partidas neste sábado, 28, a partir das 8 horas na Assincra/CT Edson, no bairro do Aviário.

“Não temos ginásios em Rio Branco e a solução foi promover as partidas no CT Edson. A estrutura é excelente e certamente teremos mais uma grande rodada”, disse o coordenador da Copinha, Auzemir Martins.

2ª rodada da Copinha

Sub 14

Escola do Flamengo x Amigos Solidários

Santa Cruz x B2 Esportes

Sub 12

Amigos Solidários x Escola do Flamengo

Flamenguinho x Rei Artur

Sub 10

Escola do Flamengo x Águias do Norte

Xavier Maia x Flamenguinho

Comentários

Continue lendo

Cotidiano

Rio Branco e São Francisco disputam amistoso no José de Melo

Publicado

em

Giovanni é um dos titulares do São Francisco para o amistoso

Rio Branco e São Francisco fazem neste sábado, 28, a partir das 8 horas, no José de Melo, um amistoso como parte das preparações para as disputas da Copa Verde e do Campeonato Estadual.

O São Francisco enfrenta o Atlético no torneio regional e o Rio Branco fará o primeiro confronto contra o Princesa do Solimões, do Amazonas.

No Estadual, o São Francisco terá o Vasco no primeiro duelo e o Rio Branco jogará contra Plácido de Castro.

Primeiro teste

O Rio Branco fará o primeiro teste e o técnico Ulisses Torres vai avaliar os atletas. O desempenho no treinamento vai definir a postura da diretoria no mercado de contratações.

“Começamos a trabalhar a parte tática no início da semana e cobrar um bom futebol neste momento seria um exagero”, disse Ulisses Torres.

São Francisco

Com mais tempo de preparação, o São Francisco vai para o amistoso com uma responsabilidade maior. O treinador Erismeu Silva vai começar a realizar os ajustes e definir os titulares.

Comentários

Continue lendo

Cotidiano

Vasco e Andirá Sub 17 empatam em jogo amistoso no campo B

Publicado

em

Léo Raches quer realizar uma grande campanha na Copa do Brasil

Vasco e Andirá Sub 17 empataram por 0 a 0 na tarde desta sexta, 27, no campo B da Federação de Futebol, em um duelo preparatório para a temporada de 2023. O Vasco vai jogar o Estadual e o Andirá estará na disputa da Copa do Brasil Sub 17.

Excelente treinamento

Para o técnico do Andirá, Léo Raches, foi mais um treinamento importante para os ajustes na equipe.

“O primeiro tempo foi muito forte e achei que os garotos sentiram. Na segunda etapa atuamos melhor. Esses treinamentos são excelentes porque vamos jogar um torneio de alto nível”, declarou Léo Raches.

Vasco em formação

Segundo o técnico Pedro Balu, o Vasco é um time em formação e a meta é chegar com time competitivo na estreia do Estadual contra o São Francisco no dia 25 de fevereiro, no Florestão.

“O treino foi importante para realizar as observações. Ainda temos um bom tempo de trabalho”, comentou o treinador.

Comentários

Continue lendo

Em alta