Areski destacou que esse tipo de informação é mais para causar ‘histeria coletiva’ na população

O diretor do novo Pronto-Socorro de Rio Branco, Areski Peniche, declarou ao sítio ContilNet que não tem informações detalhadas sobre a morte de Juliana Dias Nogueira, que veio a óbito ao local por volta das 11h desta sexta-feira (27), com suspeita de coronavírus.

A menina deu entrada no PS nesta sexta-feira/Foto: Reprodução

Segundo ele, a jovem que supostamente aparentava problemas respiratórios, não estava em um dos leitos destinados às pessoas diagnosticadas pelo vírus. “Essas informações só quem pode repassar é o pessoal da regulação. Mais eu passei o dia inteiro aqui ontem e não temos informação de morte por Covid-19”, explicou.

Areski destacou que esse tipo de informação é mais para causar ‘histeria coletiva’ na população.

Juliana Dias chegou em Rio Branco na quarta-feira apresentando dificuldades respiratórias, foi internada no PS no mesmo dia, mas acabou não resistindo e foi a óbito. O velório está ocorrendo no município de Brasileira, no interior do Acre.

Comentários