“Pagamos impostos de países europeus e, temos serviços públicos de Países africanos”

O Desabafo!

Após ter sido impedido pela Justiça de conceder entrevistas e participar de atos da pré-campanha à Presidência, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) reclamou a ex-ministros que está sendo silenciado.

“Eles não apenas querem me manter preso, querem me calar, impedir que o povo ouça o que eu falo”, Lula teria dito aos ex-ministros Franklin Martins (secretaria de Comunicação) e Celso Amorim (Relações Exteriores).

Martins e Amorim visitaram o petista na tarde desta sexta-feira-feira (13) na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR), onde Lula está preso desde o início de abril.

Irão aparecer

Com o “merecido” recesso do congresso nacional, visitas de políticos nas comunidades devem aumentar acentuadamente, é a chance de a comunidade cobrar de perto seus principais anseios, “Favores Pessoais” devem ficar de lado, hora de pensar no coletivo.  

Favoritos, não eleitos!

Na Região do Alto Acre temos três mandatos de deputados eleitos, Antônio Pedro (DEM), Manoel Moraes (PSB) e Leila Galvão (PT), com a campanha se aproximando e todos pré-candidatos, ambos deverão prestar conta com a população. 

Checklist

A população deve olhar atentamente fazendo uma minuciosa analise e verificação do trabalho desenvolvido até aqui, ratifico que todos possuem uma grande chance de retorno em uma eventual candidatura, mas é preciso manter o “SALTO BAIXO”, afinal ninguém esperava a Croácia na Final né mesmo!?

Na ferida

O senador Sérgio Petecão ‘convidou’ o senador petista Jorge Viana, irmão do governador Tião Viana, a quem classificou como orgulhoso e não ter humildade para pedir ajuda da União no combate à violência.

“Precisa ter humildade Jorge Viana. O governador Tião Viana deve deixar questões políticas e resolver o problema pedindo ajuda do governo federal. O povo está com medo, rapaz.”, afirmou o senador.

Interessante!

Analisando propostas de pré-candidatos, duas delas me chamaram atenção, a volta do Banco do Estado e a criação de uma Universidade Estadual, propostas do pré-candidato e professor Carlos Alberto (PSDB), autor do livro mais procurado de história do Acre.

Vários nomes

O que não vai faltar são nomes de pré-candidatos de oposição na fronteira, muitos já foram candidatos em eleições passadas, outros são pré-candidatos pela primeira vez, um dos nomes novos que surge, é do comunicador Chiquinho Chaves, pré-candidato pelo (PSD), partido que tem como líder no Acre o senador Sérgio Petecão. 

O homem dos ramais

O Verão alcança seu ápice durante o ano de 2018, todo gestor público sabe que é hora de avançar os trabalhos, sobretudo na Zona Rural, assim vem ocorrendo nos ramais do município de Epitaciolândia, onde o prefeito Tião Flores (PSB), tem conseguido com afinco manter e ampliar o escoamento da produção por meio dos ramais.

Política e Economia caminham lado a lado.

Na manhã de segunda feira o dólar avançava 0,46 por cento, a 3,8684 reais na venda, depois de ter fechado a semana passada com leve queda. O dólar futuro era negociado com alta de cerca de 0,45.

“Vemos um viés pouco claro hoje para os ativos. O dólar pode se beneficiar do quadro externo (viés baixista)”.

Lá fora, o dólar tinha leve queda sobre uma cesta de moedas e algumas moedas de países emergentes, como o peso mexicano. As atenções se voltavam para o campo político, com o esperado encontro do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, com seu colega russo, Vladimir Putin, para tentar melhorar a relação entre os dois países.

Internamente, os investidores ficavam cada vez mais cautelosos com a eleição presidencial de outubro, na reta final para os partidos confirmarem suas pré-candidaturas e eventuais coligações.

O foco principal continuava sendo para quem as legendas chamadas de “centrão” vão anunciar seu apoio. O mercado teme que um candidato que considere menos comprometido com ajustes fiscais possa ganhar tração.

 

Comentários