Conecte-se conosco





Cotidiano

Deputados da Comissão da COVID visitam hospitais de Cruzeiro do Sul e Feijó

Publicado

em

“A grande queixa é em relação a recursos humanos. Precisamos o quanto antes fazer a contratação de profissionais para darmos assistência à nossa população acometida por essa doença”

Assessoria

Em mais um dia de agenda pelo interior do estado, a Comissão de Acompanhamento das Ações de Enfrentamento da Covid-19 da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) vistoriou os hospitais de Cruzeiro do Sul e Feijó, no giro que fazem pelo interior.

Participam da viagem os deputados Daniel Zen (PT), Cadmiel Bonfim (PSDB), Gerlen Diniz (Progressistas), Neném Almeida, Marcos Cavalcante (PTB) e Roberto Duarte (MDB);

Duarte, que é o presidente da comissão, afirmou que a maior reivindicação das direções das unidades de saúde já visitadas é a falta de pessoal. “Médicos, enfermeiros e auxiliares de enfermagem. Essa carência de profissionais é a principal reclamação. Aqui no Hospital do Juruá, podemos observar tanto na clínica médica, como na UTI, muitos pacientes internados e precisamos pedir o apoio da população para que usem máscaras e não se aglomerem, já que o sistema de saúde está colapsando e a situação pode piorar ainda mais”, afirma o parlamentar.

Gerlen Diniz também ressaltou a necessidade da contração de novos profissionais. “A grande queixa é em relação a recursos humanos. Precisamos o quanto antes fazer a contratação de profissionais para darmos assistência à nossa população acometida por essa doença”, afirmou.

O relator da Comissão é o deputado Cadmiel Bonfim (PSDB) que reiterou que a comissão vai entregar de um relatório com análise dos deputados. “Assim que voltarmos para Rio Branco vamos fechar esse relatório para ajudar o governo no combate à Covid-19. Um dos maiores problemas é a falta de UTI, em Cruzeiro do Sul, que recebe pacientes de toda essa regional, os 20 leitos estão ocupados”, afirmou.

A agenda da Comissão da Aleac termina nesta sexta-feira, 5, com visitas aos hospitais de Manoel Urbano e Sena Madureira.

Comentários

Em alta