Depois do aumento no preço dos combustíveis, era o que faltava: a bandeira tarifária nas contas de luz deverá voltar a ser vermelha em agosto. Isso significa uma cobrança adicional junto aos consumidores da Eletrobras Distribuição Acre. Em junho, a bandeira tarifária foi verde, sem cobrança extra, e em julho a bandeira foi amarela, o que gera um custo adicional para os consumidores de R$ 2 a cada 100 kilowatts-hora. Na bandeira vermelha o adicional é de 3 reais.

A expectativa inicial, de acordo com previsões do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) era de bandeira amarela durante todo o período seco atual (de abril a novembro), com acréscimo de R$ 2 a cada 100 kWh consumidos.

Em maio, porém, a situação se agravou e a bandeira foi vermelha, no primeiro patamar. No mês seguinte ocorreu o contrário e um aumento de chuvas provocou a bandeira verde em junho, retomando ao patamar amarelo em julho. Com informações do Valor Econômico.

Comentários