Uma das ações prevê a distribuição de 400 milhões de unidades de preservativos neste carnaval.

Por Edmilson Ferreira 

De acordo com levantamento da Secretaria Municipal de Saúde de Rio Branco (SEMSA) 6.241 mulheres fizeram o pré-natal na rede municipal no ano passado, sendo 1.818 delas eram adolescentes.

Os dados foram compilados por A Tribuna do Acre e mostram que os casos de gravidez na adolescência na faixa etária dos 10 aos 19 anos chegaram em torno de 24,11% no ano passado no Acre, enquanto no ano de 2018 registrou a maior incidência, com aproximadamente 29,33%.

O Governo Federal deu início a uma campanha de prevenção à gravide na adolescência em todo o País. Uma das ações prevê a distribuição de 400 milhões de unidades de preservativos neste carnaval.

A cidade Tarauacá no Vale do Envira lidera os indicadores com 35% dos casos, seguido de Porto Valter, com 33,19% e Marechal Thaumaturgo com 32,20%.

O município de Feijó está na 4ª posição em casos de gravidez na adolescência, com 30,24%, Jordão registrou 29,92%, Plácido de Castro, com 26,81% e Cruzeiro do Sul, com 24,14%. A capital acreana com os menores indicadores, pois registrou apenas 17,45%, conforme o relatório disponibilizado pela Sesacre. (CN)

Comentários