Thor Dantas alerta que qualquer quadro gripal deve ser encarado como potencial infecção pelo novo vírus

qualquer indivíduo que apresentar quadro gripal deve agir como potencial portador do novo vírus e tomar as medidas necessárias, como reforçar o isolamento social e a higiene do corpo e objetos usados com frequência.
LEANDRO CHAVES

O médico infectologista Thor Dantas afirmou que o número de casos de coronavírus no Acre é “bem maior” que o divulgado pelo governo do Estado.

De acordo com ele, os 21 que tiveram contaminação confirmada nos últimos nove dias entraram em contato com diversas pessoas e várias destas já começaram a sentir os sintomas característicos da Covid-19.

Porém, elas precisam seguir a recomendação do poder público e procurar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Segundo Distrito para fazer o teste e tratamento apenas se manifestarem sintomas graves da Covid-19, que são falta de ar e dificuldade para respirar. É por isso que os casos oficiais de covonavírus no Acre estão subnotificados.

Dantas alerta que a chamada transmissão comunitária já é realidade no estado. Nessa fase da epidemia, o vírus circula entre as pessoas e os novos infectados passam a desconhecer de quem e onde se contaminaram.

____________

Assim, qualquer indivíduo que apresentar quadro gripal deve agir como potencial portador do novo vírus e tomar as medidas necessárias, como reforçar o isolamento social e a higiene do corpo e objetos usados com frequência.

____________

“O início da transmissão no Acre se deu com muita intensidade na primeira semana. E esse é um momento crucial para o desenrolar da epidemia. Se conseguirmos parar ao máximo o contato do maior número possível de pessoas nos próximos 15 dias, podemos desacelerar muito o crescimento inicial da curva”, disse o infectologista.

Comentários