A construção da ferrovia é fruto de parceria entre China, Brasil e Peru e exigirá um investimento de US$ 10 bilhões

Está está marcada para o dia 25 de fevereiro de 2016 a realização de uma audiência pública pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso para debater a ferrovia biocenânica, via pacífico, através de Mato Grosso, Rondônia e Acre.

De acordo com informações de sites locais, o pedido está no requerimento 503/2015 de autoria do deputado Wilson Santos (PSBD). O debate será realizado às 14h, no Auditório Licínio Monteiro.

A construção da ferrovia é fruto de parceria entre China, Brasil e Peru e exigirá um investimento de US$ 10 bilhões, especificamente juntaria os portos marítimos de Tianjin na China, com porto Bayóvar em Piura.

Além da participação dos parlamentares do estado, o convite para a audiência pública foi estendido ao governador Pedro Taques (PSDB), à Embaixada Chinesa, deputados federais e senadores de Mato Grosso, Rondônia e do Acre, ao Ministro dos Transportes, à Secretaria de Portos da Presidência da República (SEP/PR), e à Frente Parlamentar Mista Pró-Ferrovia Bioceânica.

Comentários