Já é ano novo…

…e a luz da esperança ascende no universo. Em cada mundo particular brilha a esperança e os desejos especiais.

Saudades…

…existem amores também, amigos, afagos, festas, luzes, fé e otimismo. 

Deixar o mundo…

…lá fora nem sempre é possível, numa sociedade dividida entre patrões e empregados, ricos e pobres, bem e mal, opressores e oprimidos.

Mas para o ano…

…que começa, as cidades aparecem enfeitadas e ajustadas aos novos tempos. Há entrega, encantamentos e delicados sonhos.

Tudo parece bem…

…as campanhas publicitárias disfarçadas de bondade vendem produtos, incentivam correntes solidárias “preenchem” vazios e geram lucros garantindo o poder burguês.

Ne rota das estrelas…

…sempre existem sentimentos bons entre a humanidade como, o sorriso sincero e o abraço verdadeiro.

Novos ciclos…

…fluem e novos caminhos aparecem. É chegada a hora de refletir e trilhar novas estradas.

Para isso…

…ignore os desequilibrados e valentões, os donos da verdade, os que travam a caminhada e reclamam demasiada, os invejosos de aura fria, os dramáticos, os bisbilhoteiros e insatisfeitos.

Evite…

…lugares ruins, julgamentos, preconceitos e mesquinharias, ofereça ajuda, estenda a mão, se ame mais, se preserve, planeje, estabeleça metas e se movimente, deixe a zona de conforto para trás.

Desejo para 2020…

…a cor da paz, mesas fartas e mais amor, menos desaforos e mais atitudes, menos egoísmos e mais altruísmo, menos escravidão e mais empregos, menos preconceitos e mais respeito, menos guerra e mais vida, menos violência e mais afeto, mais saúde, educação. Para 2020, deguste a vida, se lambuze de tesão.

Comentários