A política sobrevive de culpados?

É fácil entender.

As classes dominantes jamais irão proporcionar meios que despertem a consciência crítica dos dominados.

Na arena…

…os paradigmas entre o amor e o ódio narram a cega conivência daqueles que teimam em tratar como um bem, a política suja.

Nesses casos…

…os egos desprovidos de ética, não aceitam julgamento de quem ousa discordar, quando o assunto é benefício próprio.

Dói ver o Brasil à deriva…

…as oportunidades descartadas, a reflexão desprezada, a intolerância polarizada, a insanidade e o sofrimento crescente.

A política suja…

…corrupta, se alimenta de oportunidades egoístas, falsas moralidades, olhares cegos e aplausos leigos. Viver num Brasil coeso, de igualdade social parece impossível.

Os desafios existem e devemos caminhar.

Precisamos avaliar com imparcialidade os resultados das Políticas Sociais e seus benefícios reais. Que tal começarmos avaliando nossos representantes e buscarmos meios capazes de construir a sociedade desejada?

Educação, pilar de sustentação:

Aos mestres que lutam por melhorias.

O futuro depende da educação, isso é fato! Acredito ser o único caminho para transformar o cenário Brasileiro. É a base que sustenta todos os segmentos e não pode continuar descarrilada. Sem educação de qualidade não será possível erguer gerações consciente.

Vemos o professor…

…desvalorizado, a margem, engessado num cenário de identidades impostas. Sem ou com partido? Sem ou com religião? Sem ou com autoridade? Profissionais valiosos sem voz e vez.

Docentes guerreiros.

Por vezes professores, conciliadores, psicólogos e super-heróis, obrigados a encontrar saídas para os problemas do cotidiano. Salários baixos, infraestrutura precária, grandes turmas, conteúdo programático flutuante e expostos a violência.

A saúde e a negligência:

Na prática, não há saúde universalizada. Não se vê compromisso em relação a vida. Além da superlotação hospitalar, tem a escassez de medicamentos, recursos humanos, equipamentos, insumos e grandes filas de doentes a espera de atendimentos.

Segurança pública caótica:

Os ambientes inseguros crescem e o medo toma conta das pessoas.

A violência crescente…

…modificou hábitos, isolou pessoas e transformou arquiteturas. Hoje as casas gaiolas representam a única segurança viável entre as famílias de renda média; quanto aos de extrema pobreza a sorte é a companheira solitária.

Economia.

No Acre, historicamente o extrativismo vegetal liderou por décadas, hoje divide com a agricultura, pecuária e a indústria. No mercado informal, os vendedores ambulantes em crescimento acelerado, obstrui a mobilidade pública, realidade similar em todo o Brasil. Em tempos de recessão econômica a população se vira como pode, tentando escapar da fome.

No caos generalizado…

…o poder em mãos erradas agrava a situação, razão pela qual sempre devemos escolher com clareza, nossos representantes. Se viver com dignidade é sonho, os pobres vivem longos pesadelos.

Comentários