rebeliao-cobija2
Mulher que não teve nome divulgado faleceu no hospital de Cobija – Foto: Arquivo

Foi confirmado na cidade de Cobija, Capital do estado de Pando (Bolívia), que faz divisa com as cidades de Epitaciolândia e Brasiléia no Acre, o primeiro caso de morte ocasionado pela gripe H1N1, fato esse que está mobilizando as autoridades do município boliviano.

Nota (em espanhol) publicada pela Assessoria da Prefeitura
Nota (em espanhol) publicada pela Assessoria da Prefeitura

As informações iniciais passadas pela Assessoria da Prefeitura, dava conta de havia vários pacientes entre crianças e adultos internados no Hospital Roberto Galindo, localizado na parte alta da cidade.

O nome não foi divulgado, mas que seria uma mulher que não resistiu ao tratamento após contrair a gripe. O resultado teria confirmado na última terça-feira, dia 28. No comunicado, dizem que a área da UTI onde se encontrava a vítima está isolada devido ser onde a paciente teria falecido.

Comunicam que, todos os centros de saúde da cidade iniciaram uma vacinação em massa contra a gripe direcionados aos grupos mais vulneráveis, como crianças menores de cinco anos e adultos acima de 55.

Estão sugerindo que as pessoas e instituições revejam material para precauções, além de alimentação mais rigorosa para fortalecimento do sistema imunológico. Funcionários, médicos, enfermeiros e agentes de saúde foram convocados para uma reunião afim de determinar ações de contingência e criação de área de infectologia especializado.

Mais informações a qualquer momento.

Comentários