Fluxo de veículos que chegam e sai da Epitaciolândia e grande no local que está oferecendo perigo - Foto: Alexandre Lima
Fluxo de veículos que chegam e sai da Epitaciolândia e grande no local que está oferecendo perigo – Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima

Os motorista que estão chegando, ou saindo, na cidade de Epitaciolândia na fronteira do Acre, devem tomar cuidado para que não caiam em uma cratera que está se formando na BR 317 e está com um diâmetro de aproximadamente três metros, possivelmente ocorrido pelo rompimento de um cano de água.

Não diferente de outros pontos existente ao longo da BR que inicia cerca de 30km rumo à Xapuri e vai até o município de Assis Brasil. São aproximadamente 150 quilômetros de abandono por parte do Governo do Acre que não vem dando qualquer tipo de manutenção.

ESTRADA ROMPENDO-10

A última (ou quase) ocorrida, foi iniciada com a visita do ex-presidente Lula na região para inauguração de um abatedouro de porcos na região, mas parou com sua partida e não se viu mais nenhuma máquina nas estradas.

Neste caso, o perigo fica para os turistas e caminhoneiros que chegam diariamente na fronteira. Além da cratera, existe uma depressão no local, onde mostra que o bueiro pode desmoronar a qualquer momento e interromper o tráfego pela BR.

Segundo informações não confirmadas, a empresa teria parado os serviços por falta de repasse de pagamentos. Em tempo, o governo do Acre não divulgou até o momento, qualquer reforma ou paliativo na BR 317 (Estrada do Pacífico).

BR quando recebeu o último paliativo na visita do ex-presidente Lula na fronteira acreana - Foto: Alexandre Lima
BR quando recebeu o último paliativo na visita do ex-presidente Lula na fronteira acreana – Foto: Alexandre Lima

 

ESTRADA ROMPENDO
BR quando recebeu o último paliativo na visita do ex-presidente Lula na fronteira acreana – Foto: Alexandre Lima

Comentários