Conecte-se conosco





Manchete

Boliviano que recebia caminhonetes roubadas no Acre é preso na operação “Carretera Cerrada”

Publicado

em

Imagem: Ac24Horas

O boliviano R.L.S, de 37 anos, foi preso nesta quarta-feira, 14, acusado de ser peça fundamental na associação criminosa que roubava caminhonetes no estado do Acre para serem distribuídas por toda a Bolívia. Para a Polícia Civil, ele seria o elo entre os criminosos brasileiros – que roubam os carros no Brasil – e os criminosos bolivianos que recebem os veículos roubados e intermedeia a sua chegada à cidade de Ribeira Alta, de onde os carros são distribuídos pelo país vizinho.

A prisão ocorreu durante mais um desdobramento da Operação “Carretera Cerrada”, por meio da Delegacia Geral de Plácido de Castro. Foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão e duas prisões.

Todos os alvos são integrantes de uma associação criminosa especializada em roubos de camionetes na fronteira Brasil-Bolívia. O boliviano já era indiciado por roubo de camionetes. Junto a ele, foi detido A.P.S.O, de 20 anos, já indiciado por tráfico de drogas.

R.L.S receberia o alvará de soltura na manhã desta quarta-feira, 14, onde estava preso preventivamente. No entanto, com p avanço das investigações e representação ao judiciário, foi expedido mais um mandado de prisão em desfavor do mesmo, que ficará recluso por mais tempo.

Comentários

Em alta