As três UPAS da capital também estão recebendo recursos de emendas individuais do deputado democrata

A atuação parlamentar do deputado federal Alan Rick (DEM), garantiu R$ 40.310.564,00 para a área de Saúde, beneficiando hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPA) na capital e no interior, além de Unidades Básicas de Saúde nos 22 municípios acreanos. Do total, R$ 32.147.168,31 foram empenhados e, desse valor, R$ 19.648.454,49 já foram pagos.

Um dos principais investimentos refere-se às obras de reforma e ampliação do Hospital João Câncio Fernandes, em Sena Madureira. Sonho antigo da comunidade, a obra no valor de R$ 12,5 milhões, vai possibilitar a reforma, ampliação e aquisição de novos equipamentos para a unidade da terceira maior cidade do Estado.

O trabalho de Alan Rick por recursos para o setor de Saúde permitirá ainda a retomada das obras do UNACON – Rio Branco, que receberá R$ 3,1 milhões em emendas e recursos extras para finalizar a emergência, adquirir equipamentos e reorganizar o fluxo do hospital do câncer. O objetivo é oferecer os serviços que os acreanos hoje, precisam buscar em Porto Velho. “Para quem tem câncer, todo tempo é precioso e trabalhar por esses recursos é garantia de mais vidas salvas”, destaca Alan Rick.

As três UPAS da capital também estão recebendo recursos de emendas individuais do deputado democrata. Serão R$ 1,5 milhão para reformas e adequações nas três unidades de pronto atendimento.

Ainda em Rio Branco, Alan Rick alocou R$ 1 milhão para a finalização das obras do Pronto Socorro; R$ 1 milhão para compra de equipamentos para o Hospital da Criança e mais R$ 800 mil para aquisição de equipamentos para os leitos SUS do Santa Juliana.

Alan Rick garantiu ainda recursos para a reforma e ampliação do hospital de Acrelândia. Lá o investimento será de R$ 2,5 milhões. A licitação já está em andamento. Além disso, os hospitais de Cruzeiro do Sul, Feijó, Tarauacá, Senador Guiomard, Plácido de Castro, Assis Brasil e Mâncio Lima também estão recebendo atenção do deputado Alan Rick com mais R$ 2,2 milhões para reformas e melhorias nestas unidades.

Comentários