População fortalece paralisação dos caminhoneiros e leva água e comida em bloqueios

Caminhoneiros fecham BR-364 e impedem passagem de cargas (Foto: Marcelo Pereira)
Com jornais do Acre

A população acreana se uniu aos caminhoneiros que chegaram ao Acre para fechar a entrada de Rio Branco e se mobilizaram para levar comida e água aos que estão no protesto. Até agentes da Polícia Rodoviária Federal estão apoiando os manifestantes.

Cerca de cem caminhões estão chegando aos poucos ao Acre para apoia o movimento de fechamento da entrada principal de Rio Branco. No momento, cerca de 60 caminhões já estão na entrada da cidade bloqueando o tráfego na principal via do Brasil, a BR-364.

Os motoristas de caminhões do Acre espalham alertas em grupos de Whatsapp confirmando adesão ao movimento nacional que pressiona o governo federal contra a disparada do preço do diesel.

“Pela manhã não passará ninguém pelo Posto Correntão (entrada de Rio Branco), alertam os caminhoneiros. No trevo da Triunfo, próximo à vila Albert Sampaio, o bloqueio se formou a partir das 23 horas”, diz comunicado.

“Pedimos a compreensão da população, que pode nos ajudar trazendo café, pão para nós”, apela um caminhoneiro. O protesto afeta a circulação em rodovias e principais estradas de ao menos 23 estados e do Distrito Federal.

O presidente do Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos de Bens do Estado do Acre (Sintraba) reforçou o pedido. “Pedimos que quem puder nos leve água mineral, pão, leite ou frutas. Quem puder doar nós estamos aceitando”, disse o presidente.

“Nós não temos dia para sair daqui. Só vamos nos retirar quando o governo entender que isso não é brincadeira. Então pedimos o apoio da sociedade, porque essa luta não é só dos caminhoneiros. Todos nós estamos sendo explorados com a gasolina custando R$5 reais”, finalizou Faria.

Os caminhoneiros aderiram a paralisação nacional ainda na noite de ontem quarta-feira (23) e exigem a redução do preço do diesel. A intenção e pressionar o governo federal.

Estão passando apenas carros pequenos, ônibus e cargas vivas. Na BR-364, já são mais de 8 quilômetros da fila de caminhão. Os caminhoneiros queimam pneus e pedaços de madeira e evitam a passagem das cargas.

Produtos devem sofrer reajuste em supermercados do Acre (Foto: Adelcimar Carvalho)

Empresa que fornece combustível para Latam no Acre só tem estoque até amanhã

BR Distribuidora, que fornece para a Gol, mas seu gerente no Estado não foi encontrado (Foto: internet)

A Shell, responsável pelo abastecimento das aeronaves  da Latam, só tem combustível em sua base no aeroporto de Rio Branco para hoje e amanhã. Segundo a empresa,  há apenas, 52 mil litros de querosene de aviação em seus tanques para abastecer as aeronaves da principal companhia aérea que opera voos do Acre para o restante do país.

Além da Latam, a Shell fornece combustível de aviação para empresas de pequeno e médio porte do Acre e sul do Amazonas.

Não há previsão de reposição de estoque até o fim da greve dos caminhoneiros.

Comentários