Conecte-se conosco





Flash

Acre sediará encontro da Segurança na região Norte

Publicado

em

“Acreditamos que podemos contar com mais uma ferramenta para combater a criminalidade em nosso estado”

Secretário de Segurança, Paulo Cezar Santos, será o anfitrião

Cezar Negreiros

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), coronel Paulo Cezar Santos retornou da capital do Distrito Federal (DF) bastante animado, com a missão de preparar o Encontro Regional dos Secretários de Segurança que acontecerá no Acre.

________________

O evento dos gestores da região Norte acontece no fim desse mês, mas poderá contar com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro.

________________

De acordo com o coronel Paulo Cezar, este encontro Regional da Segurança tem dois objetivos, o primeiro da Secretaria Nacional de Segurança Pública  (Senasp) apresentar as ações que vem sendo desenvolvido no país, enquanto os comandantes das Polícias Militares, os secretários de Segurança  e Diretores da Polícia Civil poderão aproveitar a ocasião, para apresentar as medidas que vem executado para combater a criminalidade na região de fronteira dos países andinos.  “O crime se organização de forma diferente nestes estados, por isso, defendemos um olhar diferenciado dos órgãos executivos do Ministério da Justiça (MJ)”, destacou.

Destacou a promessa de instalação de mais um ponto do programa Vigia (Vigilância, Integração, Governança, Interoperabilidade e Autonomia), como a inclusão do estado no programa Em Frente Brasil, conforme as tratativas que o governador Gladson Cameli manteve com o secretário executivo do MJ, Tércio Tokano.

O oficial destacou que o tráfico sofreu um impacto com as apreensões de drogas, no valor de pouco mais de R$ 1 milhão nos últimos meses do ano passado. Em contrapartida, do começo do ano até mês passado (setembro) apreenderam quase R$ 9 milhões, que aponta que o trabalho integrado das policiais já começam a colher resultados esperados em duas frentes: a prisão destes criminosos, ligados as facções e apreensão do dinheiro destas organizações para financiar o tráfico de drogas e o contrabando de armas.

Tempo real – O projeto-piloto Frente Brasil vem sendo executado na cidade paraense de Ananindeua, na cidade pernambucana de Paulista, na cidade capixaba de Cariacica, na cidade de Goiânia, capital do estado do Goiás e na cidade paranaense de São José dos Pinhais (PR), mas o secretário de Segurança acredita que chegou a hora de incluir a capital acreana, nesta segunda etapa.

Com a inclusão do Acre, as imagens de ações ilícitas captadas por satélite em tempo real poderão ser encaminhadas aos órgãos de segurança e fiscalização para coibir a criminalidade nas cidades que fazem fronteira seca com os países andinos, considerados grande produtores de drogas. “Acreditamos que podemos contar com mais uma ferramenta para combater a criminalidade em nosso estado”, finalizou o oficial.

Comentários

Em alta