fbpx
Conecte-se conosco

Geral

Acre avança em serviços de abastecimento de água no interior

Publicado

em

A ampliação do acesso aos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário tem sido um dos maiores desafios dos gestores brasileiros. No estado do Acre, o ano de 2022 foi de mudanças importantes para o planejamento e implementação de ações para o setor.

No dia 31 de março, a autarquia estadual de saneamento básico passou a se chamar Serviço de Água e Esgoto do Estado do Acre (Saneacre). A mudança marcou um novo momento para o órgão, que agora é exclusivamente responsável pela gestão dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário nos 21 municípios do interior do estado.

Saneacre executa obras de ampliação da rede de água em diversos municípios. Foto: cedida

O investimento de aproximadamente R$ 1 milhão garantiu a implantação de mais 13,9 km de rede de água, beneficiando pelo menos 1,2 mil famílias em todo o estado, um resultado que é fruto da determinação da gestão estadual, que contou com a dedicação e compromisso de gestores, técnicos e colaboradores do Saneacre, um grande time formado por engenheiros civis, sanitaristas, eletricistas, profissionais das áreas de administração, finanças, recursos humanos, compras, licitações, finanças, assessoria jurídica, leituristas e serviços gerais.

Nesta reportagem, o resultado das principais intervenções e um pouco da história de vida de alguns dos profissionais que deram a sua contribuição para que, ao fim de mais um ano de trabalho, o Estado possa celebrar ações exitosas. Alguns dos homens e mulheres para quem, mais que um trabalho, o saneamento básico é um compromisso de vida.

Em Senador Guiomard, distante 21 km da capital, Rio Branco, o sistema antigo, que funcionava por gravidade (água transportada pela força da gravidade apenas, sem bombeamento), já não atendia a necessidade de consumo da população. A primeira medida foi a implantação de sistema por bombeamento, o que tornou possível levar água tratada aos locais mais altos da cidade, como o Bairro Chico Paulo onde, até bem pouco tempo, os moradores precisavam comprar água para uso doméstico e para o consumo.

Aline Guimarães é servidora do Saneacre e atua no fortalecimento da instituição. Foto: cedida

De acordo com Aline Guimarães, gerente do Saneacre de Senador Guiomard, as mudanças contribuíram para melhoria da qualidade do serviço prestado aos clientes do município. Casada, mãe de três filhas, estudante de Engenharia, Aline divide a rotina entre a família, estudos e o trabalho. Ela coordena uma equipe de 20 pessoas, a maioria homens.

A dedicação e união da equipe foi fundamental para que a gestão da autarquia pudesse promover melhorias no sistema de abastecimento do município. “Trabalhamos com o produto mais importante da nossa vida, que é a água. Então, o que digo à nossa equipe é que temos que dar o melhor, porque levamos um produto essencial à vida, e esse é nosso trabalho de todos os dias”, enfatiza Aline.

Um pouco mais distante, na região do Alto Acre, o gerente das unidades de Brasileia e Epitaciolândia, Erisson Cameli, coordenou as intervenções para aumentar a capacidade de abastecimento e melhorar a qualidade da água nos municípios. A ampliação de rede no Bairro Nazaré para atender mais de 700 famílias foi uma grande conquista. “A obra dos sonhos; hoje a população do Nazaré recebe água todos os dias”, informa Erisson.

Outra obra importante foi a ampliação de rede do Bairro José Rabelo, que levou mais qualidade de vida e dignidade aos moradores do local. As obras contaram com a parceria da Prefeitura de Brasileia. Em Epitaciolândia, os investimentos permitiram levar água tratada a mais de 80 famílias do Bairro Beira Rio.

Administrador de Empresas, Erisson entrou para o setor de saneamento há dois anos, inicialmente como gerente da unidade do Saneacre em Brasileia. A partir de 2022, passou a responder, também, pela gerência de Epitaciolândia.

O principal desafio era melhorar a qualidade da água do município. “A inclusão de um engenheiro sanitarista ao quadro dos servidores de Epitaciolândia foi fundamental para que a gente chegasse ao resultado que temos hoje. Com a expertise dele, o envolvimento dos operadores e a vontade de melhorar, junto com a diretoria, fomos adquirindo equipamentos, produtos e avançamos, mas queremos ainda fazer mais”, planeja Erisson.

No Alto Acre, gerente Erisson Cameli acompanha expansões de rede em Brasileia e Epitaciolândia. Foto: Assessoria Saneacre

Além das obras de Brasileia e Epitaciolândia, foram realizadas ampliações de rede no Km 2 da BR-317, em Assis Brasil, no bairro Cerâmica, em Xapuri, e ainda em Feijó e Tarauacá. Em Cruzeiro do Sul, as obras de ampliação beneficiaram moradores dos bairros Miritizal e Aeroporto Velho.

Em Rodrigues Alves, foram contemplados os bairros Manoel Gomes e Dário Pereira. Em Mâncio Lima, a ampliação de rede para levar água tratada à comunidade Recordação transformou a vida das pessoas do local. O investimento foi de aproximadamente R$ 1 milhão.

Em Mâncio Lima, obra de ampliação de rede de água mudou a realidade dos moradores da comunidade Recordação. Foto: Assessoria Saneacre

Mais obras no interior

Visando elevar a qualidade dos serviços e a melhoria das condições de trabalho dos servidores, a revitalização de diversas sedes e unidades operacionais do Saneacre em diversos municípios foi mais uma grande marca desta gestão. As revitalizações incluíram aquisição de novo mobiliário, eletrodomésticos, sempre com o intuito de oportunizar condições ideais de trabalho para os servidores.

Com recursos próprios, o Estado, por meio do Saneacre, executou melhorias nas sedes, captação e estações de Tratamento de Água (ETAs) do Bujari, Brasileia e Plácido de Castro. Com apoio da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), também foram realizadas intervenções nas unidades de Cruzeiro do Sul, Feijó, Mâncio Lima, Rodrigues Alves e Tarauacá.

Visando a maior qualidade do serviços e melhoria das condições de trabalho, o Estado investe em reformas das unidades administrativas e operacionais do Saneacre. Foto: Clemerson Ribeiro Saneacre

Ainda por meio do Programa de Estímulo à Construção Civil para Geração de Emprego e Renda no Acre (PEC/GER-AC), foram garantidas reformas dos  espaços do Saneacre em Capixaba, Epitaciolândia, Manoel Urbano, Sena Madureira, Senador Guiomard e Xapuri.

Foram concluídas as manutenções prediais em Brasileia, Bujari, Feijó, Plácido de Castro e Tarauacá. Em Senador Guiomard, Xapuri, Epitaciolândia, Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima e Rodrigues Alves, as obras de reforma estão em andamento.

Os recursos aplicados foram da ordem de quase R$ 1 milhão.  Para as reformas planejadas para 2023, o investimento previsto é de aproximadamente R$ 1,4 milhão.  “Isso tudo é fruto de um planejamento que vem sendo implementado,  que busca em 2023 colher frutos ainda maiores”, explica o presidente do Saneacre, Ítalo Lopes.

Ações emergenciais

Tendo o Plano Operativo como ponto de partida, diretoria e corpo técnico do Saneacre  estiveram sempre a postos para administrar os imprevistos e agir emergencialmente. Dentre os municípios beneficiados com a intervenções necessárias, dois deles receberam maior cuidado. Para manter os serviços de abastecimento de água nos municípios de Bujari e Xapuri, os mais castigados durante a crise hídrica, o esforço foi dobrado.

No mês de outubro, uma verdadeira força-tarefa foi montada para amenizar os efeitos da seca prolongada e levar água potável à população. As ações  contaram com o apoio da Defesa Civil do Estado, do Município e da Prefeitura do Bujari. O trabalho foi coordenado pelo diretor de Operações do Saneacre, Alan Ferraz, e acompanhado de perto pelo presidente, Ítalo Lopes.

Além da contratação de 18 carros-pipas para reforçar o abastecimento, uma nova estrutura foi montada para captar água de um terceiro açude na região, já que a segunda fonte que começou a ser utilizada também secou.

Simultaneamente às ações emergenciais, uma nova ETA foi instalada para reforçar abastecimento de água no município e, assim, manter o volume de água tratada no período de chuvas, quando o maior nível de turbidez (aumento da presença de partículas na água bruta) implica na redução da capacidade de tratamento da água.

Ações emergenciais para manter abastecimento de água no Bujari, um dos municípios mais prejudicados pela seca do Igarapé Redenção. Foto: Clemerson Ribeiro/Saneacre

Para o diretor Alan Ferraz, engenheiro civil com mais de quinze anos de experiência no saneamento, o ano de 2022 foi um ano de lutas mas também de vitórias: “Com a mudança no nome da autarquia no organograma, mudou também a maneira de trabalhar com as equipes, para dar mais agilidade à dinâmica de trabalho, de processo, o que agilizou muito a atuação do operacional no dia a dia”.

Com a mudança dos procedimentos internos, tem sido possível reduzir as paradas no abastecimento, bem como diminuir o tempo de resposta em ações de combate a vazamentos. “Trabalhamos de forma gradativa, da captação até a distribuição, e com o esforço da equipe fortalecida alcançamos muitas vitórias”, destaca Alan.

Equilíbrio financeiro

Com arrecadação menor que o valor necessário para cobrir custos operacionais, o apoio do governo do Estado tem sido fundamental para a manutenção dos serviços. Sob a responsabilidade do advogado Jader Maia, diretoria e equipes de Administração e Finanças, Compras, Contratos e Licitações têm atuado com austeridade, sempre com o objetivo de manter as contas em equilíbrio e garantir os recursos necessários à manutenção dos serviços e investimentos necessários.

“Esta gestão encontrou um cenário absolutamente negativo, no que diz respeito à questão de finanças. Fizemos um levantamento de todos os débitos e fomos fazendo os pagamentos, pouco a pouco. Em termos de verbas rescisórias, conseguimos pagar todas as pendências referentes aos exercícios de 2016 a 2020, reduzindo uma dívida que era em torno de um milhão para 90 mil reais. Hoje o Saneacre paga todas suas contas, rigorosamente, no prazo. Uma vitória”, avalia Jader.

Com as contas organizadas e contando com o apoio da gestão estadual, mesmo enfrentando a pandemia, o Saneacre realizou a aquisição dos materiais hidráulicos necessários às obras de ampliação de rede, manutenções preventivas, corretivas e ações emergenciais.

A licitação, realizada por meio do Pregão Presencial 038/2022, contemplou a aquisição de 121 itens. Uma iniciativa exitosa, que envolveu equipes do Saneacre, por meio dos setores de Licitações, Projetos, Jurídico; gerentes nas unidades municipais, e contou com o apoio da Seplag, Sefaz, Casa Civil e Gabinete do governador.

Planejamento e investimentos

De acordo com a diretora de Planejamento e Projetos do Saneacre, Daniela Tamwing,  foi partir do diagnóstico da situação de cada unidade, no início de 2022, que foram elencadas as prioridades, como aumento da população atendida, e, com investimentos em reformas e modernização do sistema, a melhoria da qualidade da água distribuída, bem como do ambiente do trabalho e valorização do servidor.

“Temos dedicado uma equipe para levantamento e acompanhamento das demandas referentes à prestação dos serviços no interior, o que tem nos direcionado nas ações prioritárias, bem como nas intervenções a curto, médio e longo prazo. Atualmente, temos projetos para ampliações e melhorias em todos os municípios, os quais têm sido base para as captações de recursos”, informa Daniela.

Bons resultados são fruto de planejamento e grande trabalho em equipe. Foto: Clemerosn Ribeiro/Saneacre

Com base nos projetos já elaborados, a autarquia estadual pleiteou R$ 9 milhões em emendas estaduais e R$ 142 milhões em emendas federais.

Atuando como engenheira civil desde o ano de 2013, há 9 anos no saneamento, Daniela também acredita que o melhor vem agora: “No ano de 2023 esperamos colher frutos de muito trabalho semeado em 2022, no qual toda equipe se empenhou. Esperamos concluir todas as reformas planejadas, dar continuidade aos trabalhos de eficiência energética já iniciados, e avançar nas tratativas e parcerias para ampliar o atendimento com abastecimento de água em comunidades mais isoladas e aldeias indígenas”.

Equipe alinhada

Para o presidente da autarquia, Ítalo Lopes, 2022 foi um ano desafiador, mas muito gratificante. “Chegar num local onde antes não tinha água e saber que o trabalho que está sendo desenvolvido no órgão levou água para aquele lugar faz reacender a vontade de trabalhar no serviço público da melhor maneira possível. Ver o brilho no olhar de um gerente, do servidor que tem 40 anos de saneamento, dizendo que o temos agora é o que precisava, é gratificante. Tem sido uma experiência incrível”, revela o presidente do Saneacre.

Atualmente, há uma equipe alinhada, com técnicos nas áreas onde precisam estar, gerentes com conhecimento técnico e da cidade onde atuam. “Isso faz toda a diferença. Saneamento é olho no olho, é estar disponível. E com o apoio do governo, do Legislativo, todas essas engrenagens precisam trabalhar juntas, para que, lá na ponta, a gente possa entregar o benefício”, destaca o presidente do Saneacre.

No encontro anual de gerentes, diretoria compartilha a atualiza planejamento estratégico. Foto: Clemerson Ribeiro/ Saneacre

Engenheiro civil, especialista em Gestão Pública, Ítalo Lopes não imaginava entrar no saneamento. Natural do estado do Ceará, filho de servidores públicos, atualmente aposentados, foi na família que encontrou inspiração. “Acho que a inspiração vem de casa, dos ensinamentos e de uma vontade grande de retribuir ao Acre o que foi proporcionado à nossa família”, diz o presidente do Saneacre.

Comentários

Continue lendo

Geral

João Marcos Luz propõe a concessão das paradas de ônibus às empresas

Publicado

em

O vereador João Marcos Luz apresentou, na sessão realizada na manhã desta quarta-feira, 24, um Projeto de Lei que propõe a parceria entre o setor público e o privado para a concessão dos pontos de ônibus às empresas. A ideia central é garantir a conservação dos “abrigos”, como são popularmente conhecidos, oferecendo em contrapartida a possibilidade de exploração publicitária do espaço.

O projeto define que a concessionária terá a responsabilidade de realizar a devida limpeza e manutenção, assegurando a funcionalidade. A seleção dos interessados em explorar o serviço será feita por meio de licitação.

De acordo com o vereador, tanto a população quanto as empresas serão beneficiadas, pois haverá novos espaços para a divulgação de informações e propagandas, proporcionando maior conforto para a população, que poderá exigir maior eficiência do equipamento utilizado para proteger as pessoas da chuva e do sol.

“Tudo o que for benéfico para a população na parceria público-privada, vamos buscar. Este projeto é uma oportunidade comercial que contribui para a otimização dos recursos públicos utilizados na manutenção e no combate ao vandalismo”, concluiu João Marcos Luz.

Comentários

Continue lendo

Geral

Assis Brasil prepara programação para comemorar 48 anos de fundação

Publicado

em

O prefeito do município de Assis Brasil, Jerry Correia, anunciou na manhã desta quarta-feira, 23, a programação oficial dos festejos para comemorar o aniversário de 48 anos de fundação.

A programação prevê a realização de diversas atividades esportivas, Marcha para Jesus, com show nacional, desfile cívico e o já conhecido CarnavAssis, o carnaval fora de época da tríplice fronteira.

Em reunião no seu gabinete, o gestor recebeu representantes da Polícia Civil, Polícia Militar, Detran, Conselho Tutelar, Associação de Vendedores de Alimentação e Bebidas, além da Comissão Municipal de Organização de Eventos Públicos para apresentar a estrutura do evento e tratar sobre a segurança durante os festejos.

As atividades alusivas ao aniversário da cidade já começam no dia 1º de maio, com a abertura oficial do mês de Assis Brasil e a Semana Evangélica.

No dia 3 de maio acontece o 2º Festival da Canção Gospel e no dia 4 a Marcha para Jesus, com o show nacional do cantor Juliano Son.

Entre os dias 6 e 11 de maio serão realizadas diversas atividades esportivas no estádio municipal e ginásio Sidney Nascimento. Já nos dias 17, 18 e 19 de maio acontece o Carnavassis 2024 com diversas atrações locais, regionais e nacionais.

Comentários

Continue lendo

Geral

Com 91 vagas, inscrições para o concurso do Detran seguem até 23 de maio

Publicado

em

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Administração (Sead) e do Departamento Estadual de Trânsito (Detran/AC), anuncia que as inscrições para o concurso público do Detran seguem até o dia 23 de maio. O certame conta com remunerações que podem passar dos R$ 9.500, quando somadas às gratificações, e dispõe de 91 vagas para profissionais de nível superior em diversas áreas.

Concurso dispõe de 91 vagas para nível superior em diversas áreas. Foto: Eduardo Gomes/Detran

 

Comentários

Continue lendo